Fatores Psicomotores: a tonicidade no primeiro ano de vida - Pumpkin.pt

Fatores Psicomotores: tonicidade e sinais de alarme no primeiro ano de vida

tonicidade bebés

Sendo o primeiro factor psicomotor, a tonicidade é a base de todos os restantes.

A tonicidade abre as portas ao movimento e à postura, influenciando todos os restantes fatores psicomotores, quando condicionada. Saiba quais os sinais de alarme, pela mão da psicomotricista Beatriz Pereira do blog Mais Q’ Especial


Desde o nascimento ao final do primeiro ano de vida, o desenvolvimento deste factor é crucial para as restantes etapas do desenvolvimento implicando um olhar atento e muita estimulação!

Vamos agora pensar em conjunto: como podemos querer que a criança se mantenha em equilíbrio, se nem suporta o peso das suas pernas? Como podemos querer que a criança ande, se parece ter uma postura demasiado mole? Como podemos querer que não tenha dificuldades na escrita, se tem uma rigidez muscular enorme ou uma postura incorreta que condiciona o seu desempenho e qualidade da escrita? Vêem? É mesmo a base.

Ficam aqui alguns sinais de alarme durante o primeiro ano de vida:

Fatores Psicomotores: Falta de tonicidade dos 0 aos 2 meses

  • Não procura erguer a cabeça quando está de barriga para baixo;
  • Não mover a cabeça de um lado para o outro.

Fatores Psicomotores: Falta de tonicidade aos 4 meses:

  • Não acompanha o movimento de objetos;
  • Não empurra as pernas quando colocado em contacto com uma superfície dura;
  • Não leva objetos ou as mãos à boca.

Fatores Psicomotores: Falta de tonicidade aos 6 meses:

  • Não procura agarrar objetos;
  • Não rola em qualquer direção;
  • Postura demasiado rígida (Hipertonicidade) ou demasiado mole (Hipotonicidade).

Fatores Psicomotores: Falta de tonicidade aos 9 meses:

  • Não suporta o peso nas pernas quando com apoio;
  • Não senta com ajuda;
  • Não transfere objetos de uma mão para a outra.

Fatores Psicomotores: Falta de tonicidade com 1 ano:

  • Não fica de pé com apoio;
  • Não imita ou aprende gestos como o acenar, o balançar a cabeça, as palminhas;
  • Não se arrasta ou gatinha para se movimentar.

Estejam atentos!

Conheça todos os fatores psicomotores de desenvolvimento:

Também vos pode interessar:

Este artigo foi útil para si?

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *