Família > Lifestyle > Poupar

Regresso às Aulas: 6 dicas que o vão ajudar a poupar nesta altura do ano!

poupar

Setembro não tem que ser sinónimo de apertos e calculadora na mão.

Agosto está quase aí e com ele vêm as férias da escola e a necessidade de começar a pensar no Regresso às Aulas, um stress para a maioria dos pais – como poupar no Regresso às Aulas e, ao mesmo tempo, garantir que nada falta às abobrinhas?

Entre encomendar os livros, comprar o material que o professor já pediu no ano letivo anterior, encontrar aquela mochila “mesmo gira”, os cabelos perdem anos de vida e os cabelinhos brancos começam a aparecer. Mas, calma… Não tem que ser assim!

E se está preocupado com o budget disponível é aí que a Pumpkin entra! Se é verdade que 60% dos portugueses gasta entre 100 a 300 euros no Regresso às Aulas, também é verdade que, com as nossas dicas, pode rentabilizar ao máximo esse dinheiro.

Espreitem as nossas ideias para um Regresso às Aulas tranquilo, poupado e, mesmo assim, com todo o material escolar de que a sua abobrinha precisa para ter um ano escolar em grande!

Fiquem ainda a conhecer o calendário escolar deste ano e saiba como começar o novo ano letivo com tranquilidade.

Reciclar material escolar antigo (que esteja em bom estado)

material escolar

Já pensaram em optar por material em segunda mão? Vosso e dos outros!

Por exemplo, se a abobrinha mais velha usou pouco os lápis de cor nas aulas de EVT, podem deixá-los como herança para o mano mais novo. E aquele caderno que está ainda com muitas folhas e em excelente estado (porque ficou, na maioria das vezes, esquecido em casa)? Aproveitem-no.

Deem uma vista de olhos às gavetas do quarto dos miúdos – vão descobrir tesouros inesperados! – e não tenham vergonha de pedir emprestado. Apesar de os manuais escolares gratuitos serem uma ajuda excelente, no “reciclar” está o ganho!

Fazer uma lista

como poupar no regresso às aulas: faça uma lista

Agora que sabem com que material podem contar, passemos à fase das compras.

É preciso algum autocontrolo em frente às prateleiras de supermercado, bem sabemos. As cores, o maravilhoso cheiro a novo, as personagens favoritas das crianças… entre a histeria dos miúdos e o entusiasmo dos pais, torna-se fácil perder o foco.

É por isso mesmo que é muito importante assumirem um compromisso convosco e com a carteira e respeitar a lista que levam de casa. Vossa ou cedida pela escola, pouco importa, desde que não acabem a trazer fita-cola da Patrulha Pata e clips com cores “espetaculares”.

Aproveitar campanhas e novas soluções

como poupar no regresso às aulas

Packs 2 em 1, saldos de última hora, ofertas de género “leve 3, pague 2″… Nesta altura do campeonato, é muito comum encontrar várias promoções nas superfícies comerciais.

Podem aproveitar algumas, porque, de facto, são vantajosas, mas tenham cuidado para não levar gato por lebre e confirmem antes o valor que pagariam se comprassem os itens separadamente.

Definir um orçamento máximo: “Olá, marcas brancas”

como poupar no regresso às aulas

Não há nada a fazer, a criança precisa mesmo de um transferidor, de um compasso e de cadernos para todas as disciplinas.

É imperativo fazer escolhas inteligentes: se todos os transferidores são iguais, feitos de plástico e com o mesmo intervalo de medida, é realmente necessário comprar um que seja 3€ mais caro do que os outros, só porque foi produzido pela marca x ou y?

Definam um plafond máximo para as compras e, em casos assim, optem por marcas brancas. Evitam gastar mais desnecessariamente.

Utilizar a internet: para comparar e para comprar

como poupar no regresso às aulas

Comprar online não é nem deve ser um bicho de sete cabeças, principalmente se através dos sites de companhias de renome e credibilidade reconhecidas.

Estas marcas oferecem sempre campanhas especiais no Regresso às Aulas, pelo que conseguirão muito provavelmente adquirir o material escolar dos miúdos sem sair de casa – e sem gastar combustível – a preços mais simpáticos do que aqueles que encontrariam no espaço físico da mesma loja.

Se são como os espanhóis e preferem “ver com as mãos”, então façam da internet vossa aliada ainda assim, e comparem antecipadamente o preço dos materiais em vários espaços antes de sair de casa.

Pedir fatura

como poupar no regresso às aulas

Peçam sempre fatura – podem deduzir 30%, até ao limite máximo de 800 euros, no IRS do ano seguinte. É uma forma fácil de garantir algum retorno no investimento.

Tudo sobre o Regresso às Aulas:

Início das aulas: tudo para começar o novo ano letivo com tranquilidade

Calendário Escolar 2018/2019: conheça as datas oficiais

Manuais Escolares gratuitos: sim!

Mochilas Escolares: como escolher a ideal e as escolhas da Pumpkin

Material Escolar: o que deve mesmo comprar?

Se encontrar alguma incorreção contacte-nos por favor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *