Família > Passear > Sitios a visitar

Parque Natural da Ria Formosa: um local único!

ria-formosa

Fotografia: Rota das Ilhas

Conheçam uma das 7 Maravilhas Naturais de Portugal!

Do Parque Natural da Ria Formosa tudo o que escrevermos corre o risco de, rapidamente, estar desatualizado: é que o Parque é formado um sistema de lagoas único e em permanente mudança, dependente do movimento contínuo dos ventos, das correntes e das marés.

Foi recentemente eleito como uma das 7 Maravilhas Naturais de Portugal e essa distinção já nos poupa muitas palavras: as suas cinco ilhas e as duas penínsulas são de uma beleza ímpar e é obrigatório visitá-las se estiverem pelo Algarve.

O sistema de ilhas-barreira da Ria Formosa (ilhas que separam as lagunas do mar) apresenta algumas características únicas ou raras no conjunto dos sistemas semelhantes à volta do mundo.

Uma das curiosidades mais interessantes sobre estas Ilhas é a da própria disposição geral do sistema, que forma um triângulo escaleno (um vértice do qual é o chamado cabo de Santa Maria, localizado na ilha da Barreta).

As características do sistema de ilhas-barreira da Ria Formosa não permitem uma ocupação intensa e permanente, mas, ainda assim, convidam à visita. O Parque estende-se pelas cidades de Loulé, Faro, Olhão, Tavira e Vila Real de Sto. António e é por isso um motivo extra para irem ao sul do país… em qualquer altura do ano!

Mapa do Parque Natural da Ria Formosa

mapa parque natural da ria formosa

O que visitar no Parque Natural da Ria Formosa

Centro de Educação Ambiental de Marim

centro educação ambiental marim
Fotografia: lands.pt

O Centro de Educação Ambiental de Marim alberga também a sede do Parque Natural da Ria Formosa e é uma quinta à beira da ria Formosa. Convincente o suficiente, não?

Podem começar a explorar o Parque Natural aqui, porque é um espaço de cultura e lazer onde vos explicam as características mais curiosas da fauna, flora e geografia do local.

Depois, podem fazer observação de vários grupos selvagens de avifauna, conhecer o moinho-de-maré de Marim e os vários vestigios da ocupação romana, encantarem-se com as habitações tradicionais e explorar dunas, sapais, mata, charcos de água doce e lagoas.

Existe um percurso de interpretação da natureza, fácil e circular, que é ideal para toda a família.

Faro – Península de Ancão

ilha de faro

Fotografia: Hotel Faro

Faro é uma cidade milenar que, muito além de ser capital da região, merece ser visitada pela sua beleza e vida!

As suas pequenas ilhas podem ser visitadas de barco – ao mar, capitães! – mas a Ilha de Faro é também acessível de carro. Se estão à procura de dias de aventura em família esta é a região ideal: podem fazer caminhadas pela natureza, andar de bicicleta e de barco, observar muitos pássaros, conhecer praias quase desertas e dar mergulhos refrescantes nas águas locais, de temperatura sempre tão amena, sem perder de vista ao mesmo tempo aquele toque citadino e moderno que a cidade de Faro oferece.

É mesmo o melhor de dois mundos!

A gastronomia local, muito assente no marisco da Ria Formosa, é também incontornável. Que delícia!

Tavira

A Família Pumpkin adora Tavira!

Aproveitem para explorar o centro histórico de Tavira a pé, uma cidade de cruzamento de diversos povos e culturas. O rio Gilão corre pela cidade, com várias pontes para atravessar. Durante o verão, o centro tem um ambiente muito especial, com as lojas abertas até mais tarde. Também não percam a oportunidade de fazer um roteiro gastronómico pelas excelentes pastelarias na zona das arcadas, ideais para descansar os pés e provar as especialidades deliciosas, como doces algarvios, folhados de Tavira e Dom Rodrigo.

Não deixem de visitar também a Praia de Barril: têm de estacionar o carro perto das Pedras del Rey, atravessar uma pequena ponte sobre a Ria Formosa e fazer um percurso de 1,5kms a pé, já que não são permitidas bicicletas nem veículos motorizados. Nos meses de verão podem apanhar um comboio até à praia. As abobrinhas adoraram essa forma gira de transporte!

Se pretendem ficar aqui por mais do que um dia, não deixem de espreitar as nossas sugestões sobre o que fazer em Tavira com crianças!

Ilha da Culatra

aldeia da culatra

Fotografia: discoverportugal2day.com

A Ilha da Culatra é provavelmente uma das mais autênticas e genuínas regiões do Algarve e, nas suas aldeias habitadas por pescadores, a animação é uma constante – ao contrário daquilo que, se calhar, muitos imaginam!

Talvez seja cansativo para as abobrinhas, mas, se puderem, não deixem de percorrer a pé o Percurso da Ilha da Culatra (5,6km de ida e volta) para descobrir a aldeia da Culatra mas também a praia, a fauna e a flora tão especiais desta região.

Cerro da Cabeça

cerro da cabeça

Fotografia: PerNatur

O Cerro da Cabeça fica em Olhão e, a 250 quilómetros de altitude, permite observar as planícies costeiras, o mar e as serras, sendo um local de observação único do Parque Natural da Ria Formosa porque permite que abracem com os olhos a imensa diversidade de paisagens do local.

Deem um salto (não literal, por favor!) à Gruta da Ladroeira Grande, que fica muito próxima do cimo do Cerro da Cabeça e que funcionou, há muito, muito tempo, como uma gruta-santuário.

A fauna no Parque Natural da Ria Formosa

cão de água português ria formosa

Um paraíso para os amantes da observação de aves, o Parque Natural da Ria Formosa é umas das áreas mais importantes para as aves aquáticas em Portugal: durante o inverno, é casa de mais de 20.000 aves aquáticas!

Toda a zona é muito importante como zona de passagem para as migrações entre o Norte da Europa e África e abriga espécies raras em Portugal como a Galinha-sultana, ave eleita como símbolo do Parque Natural, e outras espécies amorosas como os coloridos flamingos. Conseguem ver ali ao fundo aquele pontinho cor-de-rosa?

Neste Parque Natural podem também encontrar outros animais em vias de extinção: o famoso Cão de Água Português – lembram-se de Bo, o cão do Obama? – uma raça algarvia em risco de desaparecer, e também o camaleão e o cavalo-marinho.

Alojamento no Parque Natural da Ria Formosa

Por estarem com crianças e por uma questão de acesso mais rápido e fácil a diversas infraestruturas de apoio, recomendamos que procurem alojamento em Faro, Tavira ou Olhão, centros citadinos que oferecem todo o conforto e diversão para famílias!

Também lhe pode interessar

Parques Naturais em Portugal: quais são e o que neles visitar?

– Saiba o que visitar no Algarve com Crianças!

– Quais os melhores sítios a visitar com crianças e em família? Nós dizemos!

– Férias em Portugal: roteiros de norte a sul do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *