Parque Natural da Ria Formosa: um local único! - Pumpkin.pt

Parque Natural da Ria Formosa: um local único!

Parque Natural da Ria Formosa: um local único!

O Parque Natural da Ria Formosa é uma das 7 Maravilhas Naturais de Portugal e vão adorar visitá-lo em família. Descubram o que fazer por lá!

Do Parque Natural da Ria Formosa tudo o que escrevermos corre o risco de, rapidamente, estar desatualizado: é que o Parque é formado um sistema de lagoas único e em permanente mudança, dependente do movimento contínuo dos ventos, das correntes e das marés.

Foi recentemente eleito como uma das 7 Maravilhas Naturais de Portugal e essa distinção já nos poupa muitas palavras: as suas cinco ilhas e as duas penínsulas são de uma beleza ímpar e é obrigatório visitá-las se estiverem pelo Algarve.

O sistema de ilhas-barreira da Ria Formosa (ilhas que separam as lagunas do mar) apresenta algumas características únicas ou raras no conjunto dos sistemas semelhantes à volta do mundo.

Uma das curiosidades mais interessantes sobre estas Ilhas é a da própria disposição geral do sistema, que forma um triângulo escaleno (um vértice do qual é o chamado cabo de Santa Maria, localizado na ilha da Barreta).

As características do sistema de ilhas-barreira da Ria Formosa não permitem uma ocupação intensa e permanente, mas, ainda assim, convidam à visita. O Parque estende-se pelas cidades de Loulé, Faro, Olhão, Tavira e Vila Real de Sto. António e é por isso um motivo extra para irem ao sul do país… em qualquer altura do ano!

Mapa do Parque Natural da Ria Formosa

mapa parque natural da ria formosa

Roteiro Entre-Marés: a app para explorar a biodiversidade!

Porque os habitats marinhos despertam muita curiosidade e têm muito para nos ensinar, o IE-ULisboa e o Departamento de Informática da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa criaram uma app interativa que guia a aprendizagem sobre os oceanos e a riqueza biológica destas zonas!

Fiquem a saber tudo sobre a Roteiro Entre-Marés, que cobre as zonas da Área Marinha Protegida das Avencas e Parque Natural da Ria Formosa. A app foi desenhada a pensar nos alunos do 3º ciclo, mas pode ser usada tanto em contexto escolar como familiar. Está disponível para download gratuito!

Natureza

A Ria Formosa é formada por duas penínsulas (Península do Ancão e Península de Cacela) e cinco ilhas (Ilha Deserta; Ilha da Culatra; Ilha da Armona; Ilha de Tavira e Ilha de Cabanas). Estes espaços servem de proteção a uma vasta área de sapal, canais e ilhotes, existindo uma riqueza natural memorável.

O Parque Natural é um destino único, que proporciona uma experiência distinta, em perfeita harmonia com a Natureza. A Ria Formosa é reconhecida como uma das maravilhas naturais de Portugal. 

Assim, todos os que optam por visitar o Parque Natural têm a oportunidade de viver algo especial. Além de apresentarem um património fascinante, rico em monumentos, em cultura e em tradições, a Natureza revela uma beleza singular. 

O Parque Natural da Ria Formosa apresenta uma grande riqueza da fauna e da flora. Ao longo dos 17.900,77 ha do parque natural, poderá confirmar diversos tipos de ‘habitat’, nomeadamente dunas, sapais, vasas, áreas de pinhal e zonas agrícolas. Por isso, há muitos animais encantadores. 

A zona lagunar é encarada como viveiro para algumas espécies marinhas, destacando-se a presença de várias espécies de aves aquáticas migratórias do norte da Europa que passam o inverno neste local ou que usam a ria como escala quando rumam a sul. 

Um dos seus destaques vai para o camão ou galinha-sultana (Porphyrio porphyrio), que se tornou no símbolo do parque. No parque, foram identificadas 65 espécies de peixes. As espécies de maior interesse económico são: o sargo-legítimo (Diplodus sargus), o linguado-branco (Solea senegalensis), a dourada (Sparus aurata), o robalo (Dicentrarchus labrax) e a enguia-europeia (Anguilla anguilla). 

A fauna no Parque Natural da Ria Formosa

cão de água ria formosa

Um paraíso para os amantes da observação de aves, o Parque Natural da Ria Formosa é umas das áreas mais importantes para as aves aquáticas em Portugal: durante o inverno, é casa de mais de 20.000 aves aquáticas!

Toda a zona é muito importante como zona de passagem para as migrações entre o Norte da Europa e África e abriga espécies raras em Portugal como a Galinha-sultana, ave eleita como símbolo do Parque Natural, e outras espécies amorosas como os coloridos flamingos. Conseguem ver ali ao fundo aquele pontinho cor-de-rosa?

Neste Parque Natural podem também encontrar outros animais em vias de extinção: o famoso Cão de Água Português – lembram-se de Bo, o cão do Obama? – uma raça algarvia em risco de desaparecer, e também o camaleão e o cavalo-marinho.

O que fazer no Parque Natural da Ria Formosa

Uma das melhores formas de ocupar o tempo e explorar ao máximo a Ria Formosa é percorrendo os seus vários trilhos, os quais dão a conhecer as suas maiores riquezas, como é o caso da sua fauna e flora.

Trilhos

O Parque Natural da Ria Formosa, no Algarve, revela-se um excelente espaço para fazer caminhadas durante todo o ano. O clima ameno da região torna este local imperdível. É possível percorrer trilhos em todas as estações do ano. 

O outono e o inverno são as melhores estações para observar aves, porque a Ria Formosa é um ponto de paragem importante nas migrações da Europa para África. Na primavera, a flora e a vegetação dunar apresentam-se mais belas. As paisagens são especialmente bonitas, mais floridas. 

No verão, caminhar na Natureza pode ser uma razão para se descobrirem praias paradisíacas, quase desertas. Existem vários trilhos que proporcionam experiências inolvidáveis, nomeadamente: 

  • Trilho da Quinta do Lago | 2,3 km (40 minutos)
  • Trilho de São Lourenço | 3,2 km (1 hora)
  • Trilho da Ilha da Culatra | 5,6 km (ida e volta, 2 horas)
  • Percurso Pedestre do Centro de Educação Ambiental de Marim (CEAM) | 3,5 km, 2h30
  • Trilho da Praia do Barril | 3 km (ida e volta), 2 horas
  • Trilho A Frescura do Atlântico (pedestre e ciclável) 24,9 km, 1 dia 

O que visitar no Parque Natural da Ria Formosa

Centro de Educação Ambiental de Marim

Centro de educação ambiental de Marim

O Centro de Educação Ambiental de Marim alberga também a sede do Parque Natural da Ria Formosa e é uma quinta à beira da ria Formosa. Convincente o suficiente, não?

Podem começar a explorar o Parque Natural aqui, porque é um espaço de cultura e lazer onde vos explicam as características mais curiosas da fauna, flora e geografia do local.

Depois, podem fazer observação de vários grupos selvagens de avifauna, conhecer o moinho-de-maré de Marim e os vários vestigios da ocupação romana, encantarem-se com as habitações tradicionais e explorar dunas, sapais, mata, charcos de água doce e lagoas.

Existe um percurso de interpretação da natureza, fácil e circular, que é ideal para toda a família.

Faro – Península de Ancão

ilha de faro

Fotografia: Hotel Faro

Faro é uma cidade milenar que, muito além de ser capital da região, merece ser visitada pela sua beleza e vida!

As suas pequenas ilhas podem ser visitadas de barco – ao mar, capitães! – mas a Ilha de Faro é também acessível de carro. Se estão à procura de dias de aventura em família esta é a região ideal: podem fazer caminhadas pela natureza, andar de bicicleta e de barco, observar muitos pássaros, conhecer praias quase desertas e dar mergulhos refrescantes nas águas locais, de temperatura sempre tão amena, sem perder de vista ao mesmo tempo aquele toque citadino e moderno que a cidade de Faro oferece.

É mesmo o melhor de dois mundos!

A gastronomia local, muito assente no marisco da Ria Formosa, é também incontornável. Que delícia! Basta pensar em pratos como carapaus, biqueirões e sardinhas alimados, as amêijoas e berbigões ao natural, o arroz de lingueirão, as cataplanas, caldeiradas e massinhas com peixe.

Além das atividades mais ligadas à praia e à Natureza, Faro é ainda palco de muitos festivais e festas, sobretudo de verão, assim como tem um património rico que convém conhecer, composto por museus, teatro e também monumentos, como igrejas.

Tavira

tavira

A Família Pumpkin adora Tavira!

Aproveitem para explorar o centro histórico de Tavira a pé, uma cidade de cruzamento de diversos povos e culturas. O rio Gilão corre pela cidade, com várias pontes para atravessar. Durante o verão, o centro tem um ambiente muito especial, com as lojas abertas até mais tarde. Também não percam a oportunidade de fazer um roteiro gastronómico pelas excelentes pastelarias na zona das arcadas, ideais para descansar os pés e provar as especialidades deliciosas, como doces algarvios, folhados de Tavira e Dom Rodrigo.

Não deixem de visitar também a Praia de Barril: têm de estacionar o carro perto das Pedras del Rey, atravessar uma pequena ponte sobre a Ria Formosa e fazer um percurso de 1,5kms a pé, já que não são permitidas bicicletas nem veículos motorizados. Nos meses de verão podem apanhar um comboio até à praia. As abobrinhas adoraram essa forma gira de transporte!

Se pretendem ficar aqui por mais do que um dia, não deixem de espreitar as nossas sugestões sobre o que fazer em Tavira com crianças!

Aproveitem ainda para visitar o Museu Municipal de Tavira para ficar a saber mais sobre núcleos patrimoniais da região que vale a pena explorar e descobrir em família, como é o caso da Ermida de Santa Ana Ermida de São Sebastião, Igreja de São Gonçalves Telmo ou das Ondas, o Núcleo Expositivo do Bairro Almóada na Pousada de Nossa Senhora da Graça, o Núcleo Museológico Etnográfico de Cachopo, o Núcleo Museológico Islâmico e o Centro Interpretativo de Abastecimento de Água a Tavira.

Ilha da Culatra

Fotografia: discoverportugal2day.com

A Ilha da Culatra é provavelmente uma das mais autênticas e genuínas regiões do Algarve e, nas suas aldeias habitadas por pescadores, a animação é uma constante – ao contrário daquilo que, se calhar, muitos imaginam!

Talvez seja cansativo para as abobrinhas, mas, se puderem, não deixem de percorrer a pé o Percurso da Ilha da Culatra (5,6km de ida e volta) para descobrir a aldeia da Culatra mas também a praia, a fauna e a flora tão especiais desta região.

Durante o trajeto, pode admirar várias espécies de fauna e flora, nomeadamente ao longo da duna, onde se vê malmequer das-praias, perpétua-das–areias, tomilho carnudo, insetos (borboletas e escaravelhos) e répteis (lagartixas e o sardão).

Além disso, no caminho pelo areal é possível observar o cardo marítimo, a eruca-marítima e a soda-espinhosa e, ainda, as gaivotas, as gaivinas, como a chilreta, e, ainda, micromamíferos como os ratinhos-do-campo e os musaranhos.

Cerro da Cabeça

cerro da cabeça

O Cerro da Cabeça fica em Olhão e, a 250 metros de altitude, permite observar as planícies costeiras, o mar e as serras, sendo um local de observação único do Parque Natural da Ria Formosa porque permite que abracem com os olhos a imensa diversidade de paisagens do local.

Deem um salto (não literal, por favor!) à Gruta da Ladroeira Grande, que fica muito próxima do cimo do Cerro da Cabeça e que funcionou, há muito, muito tempo, como uma gruta-santuário.

Não subestimem esta elevação, até porque ela é considerada um monumento natural, devido ao valor das suas formações cársicas. A sua superfície encontra-se ocupada pelo maior lapiás do sul do país. Por outro lado, as suas grutas servem de abrigo a várias espécies de morcegos.

Por tudo isto, este é um miradouro de excelência e um local privilegiado para os amantes da Natureza em estado puro.

Praias junto ao Parque Natural da Ria Formosa

Praia da Ilha da Culatra

Existem várias praias encantadoras nas redondezas que pode aproveitar para conhecer. A Praia da Ilha da Culatra é uma das melhores opções que pode encontrar no Parque Natural da Ria Formosa. 

Este paraíso encontra-se presente na extrema nascente da ilha da Culatra. Esta praia está associada a um antigo povoado de pescadores. A beleza desta praia torna-a numa referência do parque.  

Outra praia paradisíaca deste parque encontra-se na Ilha da Barreta, Faro. A designada praia da Ilha Deserta é bastante atrativa. Todos os que escolhem visitar este destino singular vivem uma experiência memorável. 

A riqueza das praias do Parque Natural da Ria Formosa é vastíssima. Entre os exemplares mais populares encontram-se oásis como: 

  • Praia da Ilha de Faro (Faro)
  • Praia da Ilha do Farol (Ilha do Farol, Faro)
  • Praia da Fuseta (Fuseta)
  • Praia do Barril (Tavira)
  • Praia da Armona (Ilha da Armona, Olhão)
  • Praia da Ilha de Tavira (Tavira)
  • Praia da Ilha de Cabanas (Cabanas de Tavira)
  • Praia da Ilha de Faro (Faro)

Onde ficar perto do Parque Natural da Ria Formosa

Por estarem com crianças e por uma questão de acesso mais rápido e fácil a diversas infraestruturas de apoio, recomendamos que procurem alojamento em Olhão, Faro ou Tavira, centros citadinos que oferecem todo o conforto e diversão para famílias!

Eis algumas sugestões:

Olhão

Casa Modesta

Morada: Quatrim do Sul s/n, 8700-128 Olhão, Portugal

Mais informações, aqui.

Real Marina Hotel & Spa

Morada: Avenida 5 De Outubro, 8700-307 Olhão, Portugal

Mais informações, aqui.

Faro

Hotel Quinta do Lago

Morada: Quinta do Lago, 8135 – 024 Quinta do Lago, Portugal

Mais informações, aqui.

Eva Senses Hotel

Morada: Avenida da Republica 1, 8000-078 Faro, Portugal.

Mais informações, aqui.

Tavira

Pousada Convento de Tavira

Morada: Rua D. Paio Peres Correia, 8800-407 Tavira, Portugal.

Mais informações, aqui.

Ozadi Tavira Hotel

Morada: Quinta das Oliveiras, 8800-053 Tavira, Portugal.

Mais informações, aqui.

Restaurantes

Para provar as muitas delícias algarvias e recuperar energias para desbravar os encantos da Ria Formosa, nada como visitar alguns dos melhores restaurantes da região. Eis uma lista a considerar.

Casa de Pasto Arménio

Morada. Pinheiros de Marim, Olhão 8700 Portugal

Contactos: +351 289 045 706

Restaurante Ria Formosa

Morada: Av. 5 de Outubro, nº 14/16, Olhão 8700-302 Portugal

Contacto: +351 289 702 504

Marisqueira Fialho

Morada: Parque Natural da Ria Formosa, 1092E, Luz de Tavira

Telefone: 281 961 222

Encerra à segunda-feira.

A Carpintaria

Morada: Estrada da Palmeira, 873 G, Luz de Tavira

Contacto: 962 983 141

Encerra à terça-feira.

Três Palmeiras

Morada: Rua Vale de Caranguejo, Tavira

Telefone: 281 325 840

Encerra ao domingo.

Zé Maria e Lita

Morada: Rua Maria Campina 14, Tavira

Telefone: 918 261 897

Encerra à segunda-feira.

Também lhe pode interessar

2 comentários em “Parque Natural da Ria Formosa: um local único!

  1. Custódio Viegas Março 25, 2024

    Onde é que foram buscar (250 Quilómetros) de altura para o Cerro da Cabeça ? A altura aproximada do Cerro da Cabeça são 250 metros.

    1. Equipa Pumpkin Março 26, 2024

      Obrigado pelo comentário Custódio, já corrigimos!

Este artigo foi útil para si?

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votes, average: 3,00 out of 5)
Loading...

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

<