Perguntas divertidas para fazerem aos vossos fIlhos? AQUI! - Pumpkin.pt

E quando eles disparam mil perguntas sem parar?

perguntas divertidas para fazerem aos vossos filhos

Estes pequenos seres são os seres mais curiosos do mundo! Com milhões de perguntas que envolvem as palavras "porquê" e "como", veja como os estimular (ainda) mais e "virar o bico ao prego".

Sabiam que as crianças fazem cerca de 300 perguntas durante o dia? Pois é… Não havíamos nós de, enquanto pais, andar cansados e revirarmos os olhos cada vez que ouvimos “Ó mãe…” ou “Ó pai…”. Já sabemos o que aí vem, não é verdade? Mas, com este artigo, ajudamo-vos a estimular os miúdos na idade dos porquês e dar-lhes a volta com uma série de perguntas divertidas para fazerem aos vossos filhos.

De acordo com um estudo recentemente publicado, os pais, cuidadores ou tutores, devem encorajar as abobrinhas a questionar mais e não o contrário.

“Quando responde às perguntas do seu pequeno, está a ajudar a manter a sua mente aberta e a fazê-lo perceber a forma correta de questionar”, explica a autora do estudo e especialista em parentalidade, Michele Borba.

Ou seja, devemos incentivar os pequenos a usar a sua imaginação e o desejo por saber mais. Já nós, enquanto pais podemos ajudá-los ao ouvi-los e respondendo-lhes, bem como fazendo várias perguntas também. Está mais do que provado que os miúdos imitam os padrões comportamentais dos pais.

Deixe de lado o chato e rotineiro “Como foi o teu dia?” e estimule-se a si próprio a fazer perguntas fora da caixa e que despertem os miúdos para a conversa.

Deixamos-lhe algumas ideias de perguntas divertidas para ir introduzindo no diálogo do dia-a-dia com os vossos pequenos.

perguntas divertidas para fazerem aos vossos filhos

Sugestões de perguntas divertidas para fazerem aos vossos filhos:

  • O que te fez feliz?
  • Se pudesses fazer qualquer coisa agora mesmo, o que farias?
  • O que esperas do dia quando acordas?
  • Que personagem te faz rir mais?
  • Se abrisses uma loja, o que irias vender?
  • Qual é o teu nome de super-herói e quais são os teus super poderes?
  • O que faz sentir zangado?
  • E o que te faz sentir amado?
  • Como mostras às pessoas que gostas delas?
  • Como te sentes quando te abraço?
  • Como imaginas uma casa na árvore?
  • O que gostas de dar às pessoas?
  • Se escrevesses um livro, sobre o que seria?
  • Se desenhasses tudo o que te viesse à cabeça, o que desenharias agora?
  • Vamos fazer de conta que és chef de um restaurante. Fala-me dele… Que comidas serves?
  • O que te faz sentir agradecido e feliz?
  • Para onde gostavas de viajar? Para fazer o quê e com quem? Como chegavas a esse destino? De barco, avião, parapente, a nado…?
  • Se tivesses feito um esconderijo na floresta, como achas que seria?
  • Se pudesses perguntar qualquer coisa a um animal selvagem, o que perguntarias e a qual animal?
  • Estás fora de casa e da escola um dia inteiro. O que farias durante todo esse tempo?
  • Para ti, quais são as melhores coisas da natureza?
  • Que tipo de memória te deixa feliz?
  • Há alguma coisa que gostasses de inventar? O quê e como?
  • O que faz de alguém inteligente?
  • Se tivesses amigos em várias zonas do mundo, como irias manter contacto com eles?
  • Se estivesses a preparar uma peça de teatro da escola, que personagem gostarias de ser?
  • O que faz dos teus amigos, amigos tão bons?

Estas são apenas algumas das perguntas que pode incluir no diálogo com as abobrinhas. Garantimos que se vão rir e vai descobrir muito mais sobre os pequenos que tem aí em casa.

É normal que, ao início, a criança não esteja super entusiasmada com esta nova abordagem – afinal, os pais ou as mães deixaram de ouvir e responder para perguntar e os pequenos responderem. Nesses casos, deve dar-lhes tempo para pensar e para que respondam sem pressões,  indo de acordo ao que genuinamente sentem.

Além disso, esta forma de falar com os miúdos irá fazê-lo puxar pela imaginação e criatividade, para que surjam novas questões todos os dias que estimulem, não só o miúdo, como também o graúdo. E também estará a incentivar a criança a deixar-se levar pela imaginação e demonstrar a importância da curiosidade na vida.

Nós, pais, recuamos no tempo e revemos a inocência e a simplicidade de quando éramos crianças! E não é que era o melhor do mundo? Era e é!

Hoje voltamos a viver essa magia, mas através dos olhos dos nossos filhos!

perguntas divertidas para fazerem aos vossos filhos

Foto: Abigail Keenan/Unsplash

2 comentários em “E quando eles disparam mil perguntas sem parar?

  1. Anabela Diogo Outubro 25, 2018

    Excelente trabalho o vosso! Parabéns e obrigada

    1. Erica Quaresma - Equipa Pumpkin Outubro 26, 2018

      Muito obrigada, Anabela! Ficamos felizes por ter gostado 🙂

Este artigo foi útil para si?

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *