Corrimento branco: o que é e porque acontece? - Pumpkin.pt

Corrimento branco: o que é e porque acontece?

corrimento branco

O corrimento pode indicar infeções, bactérias ou fungos, mas também o início de uma gravidez.

O corrimento vaginal acontece naturalmente no corpo da mulher. No entanto, existem diversos tipos de corrimento: uns podem indicar presença de uma doença e outros ser sintoma do início de uma gravidez. O corrimento branco é perigoso?

Corrimento branco: o que é?

Quando se trata de um corrimento branco, transparente ou pastoso e sem cheiro, pode dizer-se que é um corrimento normal.

Já quando acompanhado de comichão ou odor, pode indicar a presença de uma infeção vaginal, como a candidíase ou outra doença ginecológica.

Para compreender este tipo de corrimento, há que primeiro perceber como funciona o corpo e os seus ciclos.

Num primeiro momento, o organismo experiência uma grande diminuição no nível de progesterona, chegando ao seu fluxo vermelho. Este fluxo é o que normalmente caracteriza a menstruação, mas pode também ser de outras cores (uma cor acastanhada, com pouco fluxo, sangue claro ou com coágulos).

Depois, o corpo inicia uma maior produção de progesterona; nesta altura, a mulher está menos lubrificada e pode surgir o tal corrimento branco. Já um corrimento mais aguado, à base de estrogénio, é sinal de que a ovulação está a começar.

Porque surge?

Gravidez ou não?

De forma a saber se este corrimento branco é ou não um sintoma de gravidez, é necessário que o corpo continue a sua produção mesmo após o atraso da menstruação. Algumas mulheres podem ter perdas de sangue entre estes períodos, o que pode querer dizer que:

– a menstruação está a chegar;

– está a acontecer o sangramento de nidação (quando o embrião se cola à parede do colo do útero e se começa a desenvolver);

– é apenas uma perda de sangue normal entre ciclos menstruais.

Uma mulher com ciclo normal deve ter cerca de 12 dias com uma grandes quantidades hormonais, seja de progesterona ou estrogénio.

O corrimento branco leitoso apenas mostra que o organismo da mulher está a funcionar bem e que a mulher teve a ovulação.

No entanto, a sua presença constante ao longo do mês, sem quaisquer alterações, pode querer dizer que a mulher tem um ciclo em que não ovula.

Corrimento durante a gravidez

A mulher grávida tem uma maior variação secreção vaginal, alterações na flora vaginal e do seu pH (que fica mais ácido). Por isso, é provável que ao longo da gravidez a mulher tenha corrimento vaginal, comichão e ardor.

Devido ao aumento dessas secreções, é normal que haja um corrimento abundante no início da gravidez- branco, com ausência de cheiro e que não está associado a outros sintomas de gravidez, e que pode começar ainda mesmo antes de ter a menstruação atrasada.

Corrimento Branco Pastoso

Muitas mulheres acreditam que é através da textura do seu corrimento que se deteta algum problema ou infecção, mas não é bem assim.

Quanto mais duro o muco for, mais concentração de hormona progesterona tem – apenas isso.

Corrimento Branco Leitoso

Tal como o corrimento branco pastoso, também o corrimento branco leitoso é considerado saudável se não tiver odor e não provocar prurido intenso na vagina, vulva e em toda a área.

Quanto mais líquido o corrimento for, maior é a quantidade de estrogénio que este tem.

Então, é gravidez ou não?

Em resumo, quanto mais muco branco a mulher tive, maior a possibilidade de estar grávida. Também o corrimento branco leitoso pode ser sinal de gravidez, caso haja um atraso menstrual associado.

Já se esse corrimento branco pastoso – que parece uma pomada em grande quantidade – surgir em consonância com a menstruação, demonstra apenas que houve ovulação.

Tenha calma, converse com as suas amigas, e, consoante os sintomas, consulte um médico para saber se se trata de uma infeção ou de uma gravidez.

Veja também:

Este artigo foi útil para si?

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Ainda não tem votos)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *