Gravidez > Crescimento > Semana a semana

23 semanas de gravidez: a produção de insulina

23 semanas de gravidez

Nesta semana do segundo trimestre de gravidez, o bebé continua o seu desenvolvimento a todo o vapor!

23 semanas de gravidez

Apesar de ter começado a ouvir os ruídos externos na semana passada, às 22 semanas de gravidez, é nesta que o bebé começa a sentir todos os movimentos da mãe e, inclusive, identificar a sua voz e a do pai.

Também a pele do bebé fica, a cada dia que passa, mais enrugada e com tom avermelhado, cor com a qual irá nascer.

O seu pequeno corpo e os traços da sua face estão já muito semelhantes aqueles com que vai nascer. Além disso, o cabelo e as sobrancelhas adquirem agora a cor com que o seu pequenino vai nascer, seja loiro, moreno ou ruivo.

Órgãos como o pâncreas, que a semana passada estavam ainda em desenvolvimento, e que é responsável pela produção de hormonas, inicia esta semana a produção da insulina que o seu bebé necessita.

23 semanas são quantos meses?

Se contabilizarmos 4 semanas como um mês, 23 semanas correspondem a cinco meses e três semanas de gravidez.

Sintomas

  • Aumento do peito, que começa a preparar-se para produzir o primeiro leite materno, tão importante para a primeira grande tarefa após o parto – a amamentação;
  • Falta de ar ou cansaço extra ao fazer algumas atividades do dia-a-dia que exijam mais esforço;
  • Sensação de bexiga sempre cheia;
  • Também é possível que sinta dores no baixo ventre, na barriga e nas costas.

Tamanho e peso do bebé

Às 23 semanas de gravidez, apesar do bebé ter 21 semanas semanas de idade (isto porque a ovulação e fecundação contam para o cálculo da data prevista do parto), já é do peso de um mamão, ou seja, mede cerca de 29 cm, e pesa 500 gramas aproximadamente.

23 semanas de gravidez - O tamanho do seu bebé esta semana

Mudanças no seu corpo

Neste segundo trimestre as hormonas estão (mesmo!) ao rubro, razão pela qual o seu humor pode oscilar muito. A enorme quantidade de hormonas presentes no seu corpo podem dificultar a concentração e organização – lá está, é como se diz: “É o cérebro de grávida”. Por outro lado, estas também lhe dão outro brilho e aspeto. Parece estar mais radiante, com os cabelos mais suaves e brilhantes.

Daqui em diante, a sua barriguita irá crescer cerca de um centímetro por semana. Para minimizar o aparecimento de estrias na gravidez ou até para manter sempre a pele bem hidratada e cuidada, é recomendável que comece uma rotina de cuidados de corpo, como a utilização de cremes, hidratantes ou óleos.

Ainda assim, é normal que surja aquela famosa linha vertical no centro da barriga, assim que começar a ficar mais proeminente.

O crescimento da barriga são as responsáveis pelas dores nas costas e no baixo ventre. Os ossos da pélvis já começaram a alargar para preparar para o momento do parto (é verdade. Já faltou mais!). De forma a diminuir as dores nas costas é importante que faça trabalho de reforço, em atividades como pilates e yoga para grávidas, por exemplo.

Com o corpo a sofrer tantas alterações, é possível que comece a inchar e sentir as pernas mais pesadas. Não é só no final da gravidez que isto acontece. Algumas mulheres costumam sentir estes incómodos por volta dos cinco meses, sendo aconselhado exercício físico na gravidez, visto serem que são um grande aliado contra o inchaço e retenção de líquidos.

Qual o tamanho da barriga?

A sua barriga deve estar mais pontiaguda e bem visível. Mas, atenção, o tamanho da barriga varia de mulher para mulher. Há mulheres que fazem barrigas muito grandes, que denunciam a gravidez muito cedo, ao contrário de outras que apenas pelo quinto ou sexto mês de gravidez se começa a notar a barriga arredondada.

22 semanas de gravidez- barriga

Peso ideal para a futura mãe

Durante a gravidez, o aconselhável é que não ganhe mais do que 13 kg (mais kg menos kg), dependendo da estrutura da mulher e do seu historial clínico.

Nesta altura do campeonato, o aumento de peso costuma ser acelerado, portanto há que ter cuidado com a alimentaçãoO ganho excessivo de peso na gravidez pode aumentar o  risco de hipertensão na gravidez e diabetes gestacional, podendo despoletar complicações durante o parto. Mas não se preocupe que o médico fará essa análise e indicar-lhe-á se estiver acima ou abaixo do peso ideal para a fase da gravidez em que se encontra.

Saúde (consultas, exames e outras informações)

Com o evoluir da gravidez, vai sentindo cada vez mais vontade de fazer xixi, mas é importante frisar que não normal se sentir ardor ou mesmo dor. Pode ter que falar com o médico, pois estes sintomas podem indicar uma infeção urinária (o que é bastante comum nesta fase da gestação).

Devido à evolução da gravidez e à mudança do seu centro de gravidade, de tal forma que pode até sentir algum desequilíbrio e estar mais propensa a quedas. Portanto, tenha cuidados extras para evitar quedas.

Além disso, as pernas podem começar a inchar e ficar pesadas, dando origem às varizes. Mas não há mal que não se cure! Evite ficar muito tempo em pé e dobrar as pernas quando se senta.

O apetite está em altas, mas não cá esse mito de comer por dois. Deve comer várias porções de comida e no máximo de três em três horas.

Ainda no que toca à saúde, é essencial que tenha cuidados redobrados com os seus dentes e gengivas, que podem estar mais sensíveis (isto é válido para toda a gravidez).

Informações-chave desta semana de gravidez:

  • O bebé começa agora a sentir todos os movimentos da mãe e, inclusive, conseguir identificar a sua voz e do pai;
  • O pâncreas começa a produzir insulina para o seu bebé;
  • As hormonas podem dificultar a concentração e organização, mas também lhe dão outro brilho e aspeto;
  • A sua barriguita irá crescer cerca de um centímetro por semana;
  • Atenção à alimentação, exercício físico e infeções vaginais;
  • É essencial que a futura-mamã tenha cuidados redobrados com o seu corpo em geral.

Consulte a semana seguinte – 24 semanas de gravidez – ou volte ao Guia de Gravidez Semana a Semana.

Temas da Semana:

Veja também:

  • Dicas para as grávidas: Para que serve o pré-natal?
  • Parto: as diferentes formas de ver a magia acontecer!

Se encontrar alguma incorreção contacte-nos por favor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *