Gravidez > Crescimento > Semana a semana

16 semanas de gravidez: alô, alô? Sou todo ouvidos!

15 semanas de gravidez

Audição? Sim, o seu bebé começa esta semana a ouvir.

Nesta semana do segundo trimestre o bebé desenvolve-se mais um bocadinho e começa agora a ouvir!

16 semanas de gravidez

Esta semana o bebé já possui uma certa sensibilidade à luz. As orelhas já estão formadas há umas semanas, mas só agora o ouvido interno está completamente formado, começando agora a aventura da audição. Ainda é cedo para reconhecer os sons, mas dentro de pouco tempo, conseguirá distinguir a voz do pai, da mãe, dos familiares e dos amigos e responder a esses estímulos com movimentos.

Os lábios ganham um contorno mais nítido e os seus músculos já estão totalmente formados e ativos, apesar da sua pele (que está a engrossar desde a semana passada) ainda ser bastante fina, tanto que é possível ver as veias do pequenito.

O sistema circulatório e urinário estão já a funcionar e o bebé aprende também a fazer alguns movimentos torácicos, praticando para aquela que será a altura de começar a respirar.

16 semanas são quantos meses?

Se contabilizarmos 4 semanas como um mês, 16 semanas de gravidez correspondem a quatro meses.

Sintomas

Nesta semana, bem como na anterior, os principais sintomas são as dores no baixo ventre, na barriga e nas costas. São dores normais e características do útero a distender-se e do seu corpo a ganhar peso para poder acolher, alimentar e transportar o bebé. Não há motivos para se preocupar.

Tamanho e peso do bebé

Às 16 semanas de gravidez, apesar do bebé ter 14 semanas semanas de idade (isto porque a ovulação e fecundação contam para o cálculo da data prevista do parto), já é do tamanho de um abacate, ou seja, mede entre 10 e 11 cm e pesa perto de 100 gramas, aproximadamente.

16 semanas de gravidez - O tamanho do seu bebé esta semana

Mudanças no seu corpo

A barriga continua a crescer. Em algumas mulheres, a gravidez pode já ser visível – provavelmente as que vão no segundo ou terceiro bebé -, mas é também muito provável que só se note daqui a umas semaninhas. Nas últimas duas semanas (ou até antes), já deve ter notado que algumas roupas começaram a deixar de lhe servir (apesar de estar ainda bem pequenina, a barriga já não deixa os botões fecharem).

O bebé mexe-se muito, mas, sendo o bebé ainda pequeno, para as mães de primeira viagem nem sempre é fácil de perceber se era o bebé a mexer ou um fenómeno digestivo. As que já vão na segunda ou terceira fornada (ou mais, até) podem conseguir distinguir melhor estes primeiros movimentos do bebé!

Esta é uma altura muito sonhada pelas mulheres grávidas, especialmente se sofreram muito no 1.º trimestre. O enjoo diminui ou desaparece, o cansaço dá a vez à energia e a barriguinha começa a dar o ar da sua graça.

Mas, é precisamente por essa barriguinha começar a querer dizer olá que se torna fundamental o cuidado com a pele. Com vista a evitar ou minimizar o aparecimento de estrias na gravidez ou apenas para manter a pele hidratada, deve começar a estabelecer uma rotina de aplicação de cremes gordos duas vezes ao dia, de forma a estimular a elasticidade da pele.

Uma outra consequência do crescimento da sua barriga e do seu bebé é as dores nas costas. De forma a diminui-las é importante que faça trabalho de reforço de costas, ou atividades como pilates e yoga para grávidas. Além disso, o exercício físico na gravidez ajuda a manter a gravidez saudável.

Este trimestre as hormonas estão ao rubro, razão pela qual o seu humor oscile muito agora entre a tristeza e a alegria, e passe por momentos em que sinta receio do que o futuro lhe reserva ou uma excitação imensa por se aperceber que dentro de 25 semanas (ou um pouco antes, quiçá) vai ter o seu bebé nos seus braços. A enorme quantidade de hormonas também poderá resultar numa maior dificuldade de concentração e organização – lá está, é como se diz: “É o cérebro de grávida”.

No worries. É normal! Aproveite a gravidez sem stress!

Qual o tamanho da barriga?

Às 16 semanas de gravidez, é provável que a sua barriga esteja ligeiramente arredondada. Pode ser (e é, com certeza!) visível para si, mas para os demais podem não notar.

16 semanas de gravidez - barriga

Peso ideal para a futura mãe

Nestes primeiros quatro meses, é recomendável que o aumento de peso esteja entre 2,5 e 5 quilos. Durante a gravidez, o aconselhável é uma soma de 13 kg ao peso que tinha antes de engravidar (pode ser mais um kg, menos 1 kg), mas tudo depende da mulher.

Mas, é importante que não se descuidar demasiado. É importante ter em conta que o ganho excessivo de peso na gestação pode aumentar o risco de hipertensão na gravidez e diabetes gestacional e pode originar complicações durante o parto, bem como uma maior probabilidade do bebé nascer muito grande.

No entanto, o médico irá indicar-lhe se estiver acima ou abaixo do peso ideal para a fase da gravidez em que se encontra.

Saúde (consultas, exames e outras informações)

Algumas mulheres preferem evitar o sexo na gravidez, devido a algumas ideias pré-concebidas que não se adequam à realidade (medo de prejudicar o feto ou a gravidez, por exemplo). Já outras, sentindo-se lindas e felizes, notam um aumento da líbido. Independentemente de qual for o seu caso, saiba que se a gravidez for saudável e se não houver contraindicações médicas, o sexo na gravidez não só é saudável para a mãe e para o seu bem-estar, como para o feto, porque afinal, este sente a felicidade da mãe.

O apetite voltou agora que se foram os enjoos, mas é altura de prestar atenção ao seu menu. Saiba reconhecer e escolher uma boa alimentação na gravidez, colocando de lado os alimentos proibidos na gravidez.

No entanto, é importante voltar a referir que é de extrema importância fazer refeições leves e frequentes e beber muitos líquidos, até porque a anemia na gravidez pode ser um incómodo real na sua vida. Portanto, toca a consumir alimentos ricos em ferro e outros nutrientes igualmente importantes para o bom desenvolvimento do bebé e da mamã.

Ainda no que toca à saúde, é essencial que tenha cuidados redobrados com os seus dentes e gengivas.

Informações-chave desta semana de gravidez:

  • O bebé tem agora o ouvido interno completamente formado;
  • Os lábios ganham um contorno mais nítido;
  • Os seus músculos já estão totalmente formados e ativos;
  • O bebé aprende a fazer alguns movimentos torácicos, praticando para aquela que será a altura de começar a respirar;
  • É extremamente importante que a grávida comece a cuidar da sua pele;
  • É possível, e normal, que o seu humor oscile muito agora;
  • É essencial que a futura-mamã tenha cuidados redobrados com os seus dentes e gengivas;
  • É esperado que tenha aumentado 2,5 a 5 kg desde o início da gravidez.

Consulte a semana seguinte – 17 semanas de gravidez – ou volte ao Guia de Gravidez Semana a Semana.

Temas da Semana:

Veja também:

  • Exames Pré-Natal: Para que serve o Harmony, amniocentese e outros testes?
  • Parto: as diferentes formas de ver a magia acontecer!

Se encontrar alguma incorreção contacte-nos por favor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *