Família > Passear > Sitios a visitar

O que visitar na Ilha de São Miguel

Ilha de São Miguel

Roteiro com dicas imperdíveis para conhecer uma Ilha que vai superar todas as suas expectativas.

São Miguel é a maior ilha do Arquipélago dos Açores e, talvez por isso, a escolha mais óbvia quando pensamos em visitar este maravilhoso arquipélago. Não se arrependerão: um misto de cultura efervescente e tradição passada, paisagens naturais de arrebatar e intensa vida urbana, São Miguel oferece à sua família muitos programas interessantes e divertidos que as abobrinhas vão adorar.

O que visitar:

Furnas de São Miguel.

Se está a planear uma visita a São Miguel, não pode deixar de colocar as Furnas no topo da sua lista de locais a conhecer. Saiba timtim por timtim aquilo que pode descobrir, como provar o famoso Cozido e onde banhar-se nestas águas quentes de cheiro característico no artigo que a Pumpkin preparou sobre as Furnas de São Miguel.

Lagoa do Fogo.

Lagoa do Fogo

A descida à Lagoa do Fogo é um passeio imperdível para todos os apaixonados pela natureza, pela descoberta e por viagens. O percurso é relativamente fácil e rápido, mas proporciona vistas lindíssimas a cada passo, e o espanto e encanto fazem eco no silêncio com que se é recebido na Lagoa do Fogo – um local isolado, selvagem e primitivo,  protegido da presença humana em massa.

Lagoa das Sete Cidades.

Lagoa das Sete Cidades

Em São Miguel, na freguesia das Sete Cidades, fica o mais emblemático postal do arquipélago açoreano, uma Lagoa rodeada de verde, numa vista de perder a respiração, e que é sem dúvida o exemplo maior da beleza das nossas ilhas no Atlântico.

Este é o maior lago de água doce dos Açores, situado nas crateras vulcânicas que formam a Ilha, sendo constituído por duas lagoas (a Lagoa Verde e a Lagoa Azul) que aqui promovem um cenário de beleza extrema e indescritível.

Visite a Lagoa das Sete Cidades e garantimos que vão ficar deslumbrados – toda a família! Organize a sua visita à Lagoa das Sete Cidades com o artigo que preparámos, e conheça a lenda por detrás deste lugar mágico.

Miradouro da Grota do Inferno.

grota-inferno
Fotografia: Let me show you Azores

É por muitos considerado o miradouro mais bonito de São Miguel e conseguimos entender porquê. Neste local único e de beleza inexplicável, a 730 metros de altitude, é possível ver a Lagoa das Sete Cidades, a Lagoa Rasa, a Lagoa de Santiago e a Lagoa do Canário, a Serra Devassa e as pequenas habitações de Sete Cidades. O mar casa com as montanhas e as lagoas num cenário de filme – mas real.

O Miradouro da Grota do Inferno encontra-se no Parque Florestal da Mata do Canário e é um dos segredos mais bem escondidos dos Açores. O passeio é lindo e o impacto final vale muito a pena. Desfrutem da natureza e da paz que aqui se sente.

Centro de Interpretação da Cultura do Ananás.

Centro de Interpretação da Cultura do Ananás

Na “capital do ananás dos Açores” podemos aprender tudo sobre esta deliciosa fruta. Como é que se obtém o melhor ananás do mundo? Podem descobrir no Centro de Interpretação da Cultura do Ananás.

Plantação de Ananases Augusto Arruda.

ananases-arruda

Depois da teoria, nada melhor do que aprender “in loco”, não é? Esta plantação de ananases localizada em Fajã de Baixo é uma das mais importantes da região tem mais de 100 anos de História! A Plantação Augusto Arruda é um verdadeiro museu vivo da cultura do ananás. As visitas são gratuitas e levam-no a acompanhar e conhecer todas as fases do crescimento do ananás. Os papás podem até provar o Licor de Ananás A. Arruda, uma receita da família e exclusiva da Plantação.

Centro de Reabilitação de Aves Selvagens de São Miguel.

Centro de Reabilitação de Aves Selvagens de São Miguel

Leve os seus filhos a descobrir mais sobre as aves selvagens dos Açores e quem sabe poderão até ajudar a tratar de alguma! Onde? No Centro de Reabilitação de Aves Selvagens de São Miguel. Ao mesmo tempo que salvam os animais, os técnicos do Centro de Reabilitação trabalham diretamente com a população, nomeadamente as abobrinhas, no sentido de criar consciência ambiental.

Ponta Delgada.

ponta-delgada

Ponta Delgada é a capital da Região Autónoma dos Açores e também a cidade mais moderna e cosmopolita do Arquipélago, cheia de atividades para se divertirem em família – algumas das que aqui sugerimos pode encontrá-las precisamente nesta cidade. Mas se a quiserem conhecer ao pormenor, consultem o nosso roteiro de Ponta Delgada e visitem o Parque Terra Nostra, a Oficina Museu das Capelas, façam observação de baleias, andem na Lagarta e… divirtam-se!

Ribeira Grande.

ribeira-grande

No Norte de São Miguel, a bonita cidade da Ribeira Grande também merece uma visita. Aqui, sugerimos que passeiem pelas ruas sem rumo e apreciem as fachadas dos edifícios e das igrejas, e a mítica Ponte dos 8 Arcos. Imperdível é a visita à Fábrica de Licores Mulher de Capote, o Museu da Emigração Açoriana e as Fábricas de Chá: a Fábrica de Chá Porto Formoso e a Fábrica de Chá Gorreana.

O que fazer:

Explorar o nosso roteiro de arte urbana.

pastel-walktalk

Graças à iniciativa “Circuito de Arte Pública”, no âmbito do festival Walk&Talk, as ruas de São Miguel foram transformadas num palco de arte urbana. Desde 2011, são muitos os artistas que deixaram a sua marca e deram nova vida a uma parede da ilha com intervenções fantásticas. Preparámos um roteiro de arte urbana para não perderem os 20 graffitis mais originais e bonitos dos Açores.

Agarrem os mapas e partam à descoberta de São Miguel de uma forma diferente e curiosa!

Ir a banhos na Poça da Dona Beija.

Também conhecida como “Poça da Juventude”, “Água do Poço”, ou “Poça do Paraíso”, a Poça da Dona Beija é uma Piscina Termal num cenário natural de ímpar beleza e encanto. Aqui encontra 5 diferentes áreas termais onde pode ir a banhos com a sua família. Água quentinha e descanso… quer melhor?

 Subir mais alto do que as nuvens.

miradouro-barrosa

O Miradouro do Pico da Barrosa fica a 947 metros de altitude da altura do mar, e, daqui, a Lagoa do Fogo parecerá muito pequena (ainda assim, deslumbrante, integrada numa vista panorâmica incrível), e as nuvens parecerão muito próximas. Tente tocá-las. 🙂

Mergulhar na Caldeira Velha.

caldeira-velha

A Caldeira Velha é uma cascata de água quente férrea desagua numa piscina natural onde se pode tomar banho. Localizada na encosta da Serra de Água de Pau, na Ribeira Grande, e ladeada de fumarolas, sempre a recordar-nos as manifestações vulcânicas da ilha, a Caldeira Velha é um cenário idílico que pode desfrutar em família.

Observar baleias.

Fotografia: https://www.ponta-delgada.com

As baleias andam de mãos dadas com a história e a economia açoreanas. É, por isso, inevitável, indispensável e único: visitar os Açores e não fazer observação de baleias é como ir a Roma e não ver o Papa! São várias as empresas que disponibilizam tours, proporcionando assim uma experiência inesquecível aos muitos e ávidos apreciadores desta espécie.

Aconselhamos que faça uma pesquisa sobre as empresas e que garanta que estes passeios promovem o respeito pelas baleias e pelo ambiente marítimo.

Não sabemos quem vai gostar mais, se as abobrinhas se os pais!

Onde comer?

cozido-furnas
Fotografia: http://azores-adventures.com

Restaurantes para todas as carteiras e para todos os gostos, por toda a Ilha. O difícil vai ser escolher…

Ponta Delgada:

Restaurante Gastrónomo;

A Tasca;

Rotas da Ilha Verde;

Calçada do Cais;

Casa do Bife O Galego.

Rabo de Peixe:

Quinta dos Sabores.

Lagoa:

Bar Caloura;

Restaurante José do Rego.

Furnas:

Terra Nostra Garden;

Caldeiras & Vulcões;

Restaurante Tony’s;

À Terra Furnas;

O Miroma.