Família > Sãos e salvos > Segurança

Dias de festa

Dias festa

A APSI deixa-lhe algumas dicas para quando as festas se aproximarem nada estraga o vosso dia.

O dia de Natal aproxima-se a passos largos e já tudo (e todos) transborda de magia e alegria! O espírito é de partilha e solidariedade e claro, de festa. Um pouco por todo o lado, amigos e familiares juntam-se para celebrar. A árvore de Natal já está enfeitada, as casas decoradas, os jantares e almoços multiplicam-se! As visitas mais prolongadas e estadias em casa dos pais, tios ou outros familiares e amigos são também uma constante nesta época do ano. Tudo parece se transformar e as crianças estão “loucas” com tanta novidade!

Nesta atmosfera de entusiamos e curiosidade – por parte das crianças – e grande descontração – pelos adultos, é fácil “baixar a guarda” e deixar as coisas acontecerem (o que é bom sem dúvida, e também necessário!). Até porque existem mais adultos por perto e rapidamente sentimos que está tudo sob controlo.

Mas no meio de tanta confusão e entusiasmo algumas distrações acontecem e para que nenhuma delas vos estrague o dia ou o Natal, a APSI deixa algumas dicas.

  • Quando se juntam muitas crianças, deve haver um adulto encarregue de as supervisionar; assegure-se que a pessoa destacada não tem outra tarefa em simultâneo. É comum ocorrerem acidentes em dias de festa, porque na presença de vários adultos todos assumem que alguém está a tomar conta das crianças, quando estas estão sem vigilância.

  • Coloque as decorações de Natal em lugares mais altos, fora do alcance das crianças, pois podem confundi-las com doces ou brinquedos e colocá-las na boca, correndo o risco de asfixia ou sufocação.

  • Verifique a estabilidade da árvore de natal, de modo a que não tombe se a criança lhe mexer.

  • Não ponha velas em zonas de circulação ou no chão, porque podem pegar fogo à roupa ou cabelo de uma pessoa que passa. Apague-as se houver crianças por perto.

  • Mantenha as crianças afastadas da cozinha enquanto prepara as iguarias de Natal. Tachos ao lume, forno aquecido, batedeira, faca elétrica, varinha mágica em utilização, etc., suscitam a curiosidade das crianças.

  • Não deixe fósforos, isqueiros ou facas em cima da mesa em locais que as crianças os possam alcançar. Arrume-os logo após a sua utilização em locais altos e de difícil acesso.

  • Depois de abertos os presentes, retire de imediato todas as embalagens e sacos, fitas de embrulho, balões ou rebuçados pois podem provocar asfixia ou estrangulamento, sobretudo das crianças mais pequenas.

  • Se vai receber crianças na sua casa garanta que não existem detergentes na casa de banho ou na cozinha (por baixo do lava-loiças), medicamentos em armários baixos, mesas-de-cabeceira ou outros locais de fácil acesso, bem como caixas de costura, tesouras e outros objetos perigosos para os mais pequenos.

  • Se vai para casa de familiares ou amigos, e antes de descontrair, verifique que o acesso à janelas e varandas está limitado, que as piscinas, tanques ou poços estão vedados ou tapados, se escadas têm cancelas, portas da casa de banho estão fechadas, e acesso à cozinha limitado.