Família > Sãos e salvos > Saúde infantil

Que fazer quando o seu filho tosse?

Que fazer quando filho tosse?

Dr. Armando Fernandes, médico pediatra, fala sobre a natureza sintomática da tosse, esclarece em que situações deve recorrer à ajuda médica e indica o que pode fazer para ajudar os seus filhos, incluindo receitas caseiras como o xarope de cenoura e a mistura de mel e limão.

Em caso de dúvida, ligue para a SAÚDE 24 (808 24 24 00) ou contacte o Pediatra dos seus filhos.

TOSSE A tosse representa a expulsão violenta e súbita do ar das vias aéreas inferiores, o que protege os pulmões contra a aspiração e promove o movimento de secreções e outros constituintes das vias aéreas inferiores para a faringe e boca.

É um acto reflexo desencadeado pela estimulação dos receptores das vias aferentes, funcionando como um mecanismo de defesa, com remoção de substâncias estranhas ou irritantes, secreções patológicas, corpos estranhos, etc.

Uma irritação e/ou infecção da via aérea e/ou dos pulmões podem causar tosse. Esta serve como um reflexo protector para impedir que o muco e/ou o pus se acumulem nos pulmões. Tossir é apenas um sintoma, pelo que é importante procurar a sua causa.

O que procurar?

Corrimento nasal, dor de garganta e febre acompanham frequentemente a tosse.

Alergia ou irritação da garganta podem causar uma tosse seca.

Um gotejamento nasal posterior pode causar tosse, que é mais intensa à noite quando a criança está deitada. 

Tossir, por vezes, pode ser um sinal de problemas pulmonares. Acompanha-se geralmente de respiração rápida e a tosse pode significar que há uma pneumonia, particularmente se a criança tem febre. Em crianças com asma, a tosse pode ser o único sintoma que os pais notam.

Crianças jovens podem inalar objectos pequenos, como brinquedos, amendoins (muitas vezes não notado pelos pais). Isto pode produzir problemas imediatos ou pode resultar só numa tosse e/ou pieira crónicas.

Na laringite estridulosa, a tosse é semelhante ao “latido da foca” e pode associar-se a estridor (som áspero), a movimentos torácicos exagerados e a angústia. Peça ajuda médica imediatamente se:

  1. Respiração superficial e/ou rápida ou dificuldade respiratória
  2. Lábios ou unhas azulados
  3. Paragem respiratória, mesmo que momentaneamente
  4. Espasmos que causam sufocação, uma cor azulada dos lábios ou vómitos persistentes
  5. Escarro com sangue ou muco
  6. Tosse de início súbito numa criança que poderia ter inalado um objecto pequeno. 
  7. Qualquer outra sugestão de inalação de corpo estranho

Peça ajuda médica dentro de algumas horas se:

  1. Pieira
  2. Tosse seca, espasmódica tipo “latido de foca” com evidência de dificuldade respiratória
  3. Ligeiro aumento da frequência respiratória
  4. Febre durante mais de 72 horas
  5. Lactente com menos de 3 meses
  6. Corrimento nasal amarelo ou esverdeado
  7. Dor torácica
  8. Vómitos repetidos com a tosse

Marque uma consulta se:

  1. Tosse com pelo menos duas semanas de duração
  2. Tosse que interfere com o sono

O que pode fazer

O tratamento depende do tipo e da causa da tosse.

Evite a exposição ao fumo de tabaco.

Faça uma mistura calmante caseira (veja as receitas abaixo).

Ofereça também, líquidos mornos como chá de limão com mel. O mel, em particular o mel escuro, tem vários benefícios: repara os tecidos, é antioxidante, antimicrobiano e é considerado seguro após 1 ano de idade; as substâncias doces do mel causam reflexos de salivação, secreção de muco e feitos sedativos na tosse; é barato e nutritivo.

A tosse devida a gotejamento nasal posterior é mais intensa à noite. Deverá fazer reforço hídrico, atmosfera húmida e aplicar soro fisiológico e/ou água dor mar esterilizada (Nasomar, Lyomer, Rhinomer, etc.). Poderá ser necessário usar descongestionantes nasais (Neo-Sinefrina, Nasorhinathiol, etc.) antes de deitar.

Xaropes para a tosse (antitússicos*) raramente são úteis, embora alguns expectorantes possam soltar as secreções. Muito raramente, quando a tosse interfere com o sono, o trabalho ou a educação, ou causa vómitos ou dor torácica, poderá haver necessidade de prescrever medicamentos (apenas pelo pediatra porque estes podem diminuir a protecção que a tosse provoca).

Mistura calmante – Mel e Limão

Pode fazer uma mistura calmante, misturando quantidades iguais de mel (xarope de milho para crianças com menos de um ano) e de limão concentrado

Mistura calmante – Xarope de cenoura 

Bater a cenoura no liquidificador, coar na peneira e depois acrescentar mel e ferver até virar um xarope ou cortar a cenoura às rodelas finas e adicionar açúcar mascavado

Última actualização em 09-02-2013.