Família > Sãos e salvos > Ambiente e Natureza

5 dicas para ajudar a despoluir o oceano

oceano poluido

As ideias são de Garett McNamara e todos os portugueses, miúdos e graúdos, podem ajudar!

Garrett McNamara dá 5 dicas aos portugueses para tornar o oceano mais limpo. O surfista, detentor do recorde da maior onda surfada até 2018, é o embaixador da campanha “Clean the Sea for Your Future” da Yamaha, que tem como principal objetivo sensibilizar os diferentes públicos que interagem com o mar promovendo melhores práticas e incentivando escolhas mais sustentáveis. Juntos pretendem estar na linha da frente em prol da defesa dos oceanos.

Com o bom tempo à espreita as idas à praia tornam-se num dos programas mais apetecíveis dos portugueses. Garrett McNamara sugere algumas atitudes ecológicas que se podem por em prática, ao mesmo tempo que se desfruta dos benefícios do sol e do mar.

1. Organizar uma limpeza à praia com as crianças

As crianças são a nova geração de líderes do futuro e é importante que se tornem conscientes do impacto das suas ações. Consciencializá-las para as questões ambientais é dar-lhes ferramentas para que façam escolhas mais sustentáveis. Juntar um grupo de crianças e organizar uma limpeza a uma praia é uma forma didática de lhes mostrar o impacto real que o lixo tem no meio ambiente.

2. Trazer sempre mais lixo da praia do aquele que se levou

Sempre que desfrutar de um dia de praia, quer sozinho ou em família, leve sempre o lixo consigo e coloque-o nos respetivos contentores de reciclagem. Adicionalmente, se cada pessoa levar da praia mais lixo do que aquele que se produziu é dar um contributo importante para a conservação do meio ambiente. Se conseguirmos inspirar os outros a fazer o mesmo, conseguimos um efeito em cadeia muito positivo.

3. Fazer escolhas conscientes

A maior parte do plástico produzido e consumido, acaba no mar. Por isso, evite ao máximo o consumo de plástico, principalmente o de uso único e certifique-se de que o coloca num contentor de reciclagem.

Existem vários produtos que podem ser substituídos por materiais sustentáveis, como trocar os sacos de plástico e a pelicula aderente para embalar os snacks, por sacos de pano reutilizáveis.

4. Apoiar uma organização ou projeto que defenda os oceanos

A sociedade está cada vez mais atenta e une-se para agir em prol da defesa dos oceanos. Reverter as estatísticas está ao alcance de todos mas ganha mais poder quando é feita de forma organizada. Apoiar uma organização ou um projeto que defenda os oceanos é uma forma de sentir que está a contribuir ativamente para esta causa. Poderá fazê-lo não só com doações, mas inscrevendo-se como voluntário.

5. Usar equipamentos de lazer no mar de marcas ecologicamente conscientes

Para surfar as ondas gigantes, como as da Nazaré, são necessários equipamentos fiáveis e seguros. Por exemplo, a Yamaha tem encarado este tema com seriedade e investido em desenvolver motores mais sustentáveis, com maior potência e menos consumo de combustível.

mcnamara limpar oceanos

Segundo Garrett McNamara “todos devemos liderar a causa da defesa do meio ambiente e sinto-me orgulhoso por ter sido convidado pela Yamaha para embaixador da campanha “Clean the Sea For Your Future”. Juntos queremos fazer a diferença e inspirar todos os portugueses a unirem-se para despoluir o mar e começar a fazer escolhas sustentáveis. Quando todos nos unimos em prol de uma causa não só fazemos a diferença como nos tornamos na diferença”.

Garrett McNamara assume a sua preocupação com a poluição dos oceanos, tendo já lançado uma campanha em nome próprio para a eliminação do plástico de uso único. Para McNamara é preciso agir agora para assegurar um futuro digno para todas as crianças.

Se encontrar alguma incorreção contacte-nos por favor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *