Família > Lifestyle > Festas e férias

Pais, tenham calma com o fim das férias!

Pais, tenham calma fim das férias

Agosto será sempre, para nós, sinónimo de férias de verão; é o mês do ano em que por excelência temos mais tempo para a família e em que saímos da rotina para fugir para o nosso refúgio junto ao mar. Agosto ajuda-nos a focar naquilo que é mesmo essencial: a companhia uns dos outros!

Passamos um ano inteiro à espera das férias de verão, as crianças, sobretudo, estão ansiosas para que os seus pais estejam disponíveis para elas a tempo inteiro, sem horários e sem atrasos. São dias passados com programas de família, com mimos, abraços, algumas turras e também zangas, resultado (natural) desse tempo que passam em convívio uns com os outros. Mas, no fundo, importantes para reforçar os laços familiares e para prestar mais atenção ao nosso lar.

Porém, Agosto é também um mês de balanços e de preparação de recomeços – há todo um novo ano lectivo para preparar – mas, vamos com calma, pais! É preciso ter calma com o fim das férias!

Porque não aproveitar o mês de Agosto para fazer também um balanço da saúde do nosso lar e das nossas relações? Porque não deixar que o espirito das férias se prolongue e que seja mais forte do que as rotinas?

Deixo-vos 6 dicas para que regressem às rotinas de forma suave e alegre:

  1. Relembrem as férias: imprimam fotografias das vossas férias e coloquem em molduras e, porque não, na porta do frigorífico para vos ajudar a sorrir todas as manhãs com as lembranças daqueles momentos?
  2. Criem um “pote dos desejos”, onde vão guardando ao longo do ano os vossos desejos para as próximas férias.
  3. Encontrem uma “resolução de férias”, ou seja, adoptem no vosso dia-a-dia um novo hábito ou rotina que tenham aprendido durante as vossas férias.
  4. Não deixem morrer as férias: continuem a falar das coisas que fizeram nas férias quando se juntam em família, à mesa na hora da refeição.
  5. Prolonguem algumas das rotinas das férias durante mais algum tempo, como as idas à praia enquanto o tempo assim o permitir; fazer passeios ou reunirem-se com os amigos.
  6. Não regressem de férias literalmente em cima do regresso às rotinas. Deixem alguns dias para desfazer malas e literalmente arrumar a casa.

Passamos um ano inteiro à espera que os dias fiquem maiores para podermos aproveitar mais um bocadinho e dos dias quentes que nos lembram que em breve chegarão as férias! Por isso, vamos ter calma com o fim das férias, pais! E vamos ter calma com as nossas crianças que vão estranhar novamente a separação dos pais todos os dias de manhã bem cedo e vão sentir a nossa falta quando chegamos mais tarde para os ir buscar à escola! Vamos ter calma também com as birras das nossas crianças, afinal, vocês são as pessoas mais importantes para elas e é normal que fiquem aborrecidas quando deixam de poder passar os dias inteiros na vossa companhia!

O verão pode terminar e, com ele, as férias, mas o espírito com que vivemos os nossos dias só depende de nós e se quisermos, podemos fazer com que o (nosso) Sol brilhe o ano inteiro!

 

Este artigo foi-nos gentilmente cedido por Vera Dias Pinheiro do blog As Viagens dos V’s