O que fazer ao meu animal nas férias? Não ao abandono!

O que faço ao meu animal durante as férias?

animais nas férias

Não ao abandono!

Com o aproximar das férias muitas famílias começam a pensar que têm que arranjar uma solução para os seus patudos durante esse período.

Sabemos que nem sempre é fácil e possível viajar com os nossos amigos de quatro patas, e em alguns casos (como para os gatos e mesmo alguns cães) o stress da viagem e da adaptação a um novo local é tão grande que não vale muito a pena insistir em levá-los connosco.

Por isso, se prefere ir de férias sem a companhia do seu animal, deixamos aqui uma lista de sugestões e alternativas para o ajudar a escolher a melhor opção para si e para o seu amigo de quatro patas.

#1 – Se tiver um gato, deixe-o em casa e arranje quem o visite

animais nas férias

A grande maioria dos gatos detesta viajar. E odeia ainda mais ter de se adaptar a um novo local, onde vai ter de descobrir novamente quais os locais onde se sente seguro.  Acredite que o prazer da sua companhia na maioria dos casos não será suficiente para contrariar os níveis de stress do seu gato. Por isso, no caso dos gatos, uma das melhores soluções é arranjar quem o visite regulamente.

O ideal será que essa pessoa seja alguém que o seu gato já conhece, para que ele não fique muito ansioso. Um familiar ou amigo seu que costuma ir a sua casa será o ideal. Caso não seja possível existem no mercado várias empresas de “pet-sitting” que se responsabilizam por ir a casa dos tutores visitar os animais, tratar da comida, da água e do caixote de areia.  Se o seu gato for do tipo mais amigável, podem até brincar um pouco com ele, e fazer umas festas.

Desta forma, as necessidades importantes do seu gato ficam garantidas, sem que ele sofra stress desnecessário. Acredite que quando chegar ele vai mostrar que teve muitas saudades, mas de certeza que preferiu ficar sossegado em casa.

#2  – Peça a um familiar ou amigo que fique com o seu patudo

animais nas férias

Os cães, e mesmo alguns gatos adaptam-se facilmente às casas de pessoas que lhes sejam familiares. Se pede à sua mãe para ficar com os seus filhos, pode experimentar para pedir que fique com o seu cão. Até é provável que dê menos trabalho.

Em alternativa, já existem profissionais que acolhem os animais nas suas casas. Uma espécie de família de acolhimento temporária e profissional. Normalmente são pessoas com bastante experiência e com as condições adequadas para acolher os seus amigos de quatro patas.

Em qualquer destes casos deve ter a certeza de que  quem fica com o seu animal está de facto preparado para ficar com ele e que tem as condições adequadas (de espaço e de vida) para garantir que o seu amigo de quatro patas é bem tratado.

#3 – Encontre um hotel para cães ou gatos

animais nas férias

Embora muitos tutores olhem para esta solução com alguma desconfiança, com as indicações certas poderá com alguma facilidade escolher um local de confiança para o seu animal de estimação.

Nos dias de hoje alguns espaços oferecem regalias dignas de hotéis cinco estrelas, como banhos em piscinas, tosquias, quartos com sofás, televisão e música ambiente –  e talvez assim não haja necessidade de se sentir mal em deixar o seu animal num hotel diferente do seu!

Vamos publicar em breve um artigo específico sobre como escolher o melhor hotel para o seu cão ou gato, mas principalmente nunca escolha um alojamento sem o visitar primeiro e tente obter as opiniões de outros tutores que já tenham recorrido a esta solução.

# 4 – Minimize a sua ausência

animais nas férias

Explique ao cuidador a rotina habitual do seu animal para que seja possível minimizar o grau de alteração que ele vai sofrer.

Garanta que há comida suficiente para o período em que vai estar fora, para que não sejam necessário comprar ração durante a sua ausência. Facilita a vida ao cuidador e  garante que o seu animal só come o que deve.

Tenha especial atenção que animais com necessidades especiais, nomeadamente de saúde, podem precisar de cuidados que são mais difíceis de prestar. Não se esqueça de ter estes factores em conta quando escolhe a melhor opção para o seu patudo durante as suas férias.

Boas férias!

Este artigo foi desenvolvido pela Petable.

Este artigo foi útil para si?

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *