Dia da Mulher: a história e os dados por detrás da data - Pumpkin.pt

Dia da Mulher: a história e os dados por detrás da data

dia da mulher

A história do Dia da Mulher prende-se com a luta de todas as mulheres para uma vida mais justa e segura.

Dia Internacional da Mulher é celebrado anualmente no dia 8 de março e relembra as lutas sociais, políticas e económicas das mulheres. A igualdade de género exige que, numa sociedade, homens e mulheres gozem das mesmas oportunidades, rendimentos, direitos e obrigações em todas as áreas, da educação à saúde, na carreira profissional e nas esferas de influência.

Parece óbvio, mas infelizmente ainda não o é. Durante séculos a mulher foi vista como inferior, subserviente, incapaz, e ainda que muitos direitos tenham sido já conquistados – voto, divórcio, usar calças – muitos outros desequilíbrios existem ainda, na sociedade e nas mentalidades às vezes inconscientes que reproduzimos de geração em geração.

O ano passado, em Portugal, pelo menos 35 pessoas foram mortas em contexto de violência doméstica: 27 mulheres adultas mortas, uma menina, e sete homens. Já o Observatório da Violência no Namoro recebeu 74 denúncias em 2019, sendo que apenas três foram feitas por homens.

No nosso país, segundo dados da Rede 8 de Março, “a violência machista mata, em média”, duas mulheres a cada mês. As mulheres representam 80% dos casos de violência doméstica e são vítimas de 90,7% de crimes sexuais. Uma violência que vê nas mulheres objetos, inferiores, despojáveis.

Também a desigualdade de oportunidades, acesso, salários e representatividade é no mundo uma realidade inquestionável. Há mais pobreza feminina, mais barreiras na educação para as mulheres, mais desemprego feminino, e mais pressão social sobre as meninas, desde sempre, para corresponder a determinados padrões ou imagens irreais. As mulheres também estão mais sobrecarregadas, conciliam trabalho fora com trabalho em casa, e manifestam maiores níveis de ansiedade e de depressão pela intensidade da vida quotidiana.

História do Dia da Mulher

A origem do Dia da Mulher remonta a 1909, quando, em Nova York, o Partido Socialista da América organizou uma jornada de manifestação pela igualdade de direitos civis e a favor do voto feminino.

Durante as Conferências de Mulheres da Internacional Socialista, no ano seguinte em Copenhaga, foi sugerido por Clara Zetkin que o Dia da Mulher passasse a ser celebrado todos os anos. No entanto, não foi definida uma data específica.

A partir de 1913, as mulheres russas passaram a celebrar a data com manifestações realizadas no último domingo de fevereiro. A 8 de março de 1917 (23 de fevereiro no calendário gregoriano), ainda na Rússia Imperial, foi organizada uma grande passeata de mulheres, em protesto contra a carestia, o desemprego e a deterioração geral das condições de vida no país. Foi esta manifestação que precipitou a Revolução de 1917.

Nos anos seguintes, o Dia da Mulher passou a ser comemorado nessa data, pelo movimento socialista, na Rússia e noutros países do bloco soviético, até que em 1975 as Nações Unidas instituiram o Dia Internacional da Mulher a 8 de março.

A data é comemorada em mais de 100 países, mas, infelizmente, ainda é ignorada em muitos outros.

Significado do Dia da Mulher

É fácil perceber por que se comemora o Dia da Mulher, embora esta não seja uma data, para nós, vista como uma comemoração, mas sim como uma reinvidicação e uma lembrança.

O maior propósito do Dia Internacional da Mulher é reforçar na sociedade a necessidade de olhar para as questões sociais, políticas, económicas, sexuais e culturais enfrentadas por todas mulheres do mundo, lutando pela igualdade de géneros, criando ao mesmo tempo em todas as mulheres a noção de que as necessidades globais são comuns, mas que existem aquelas que, por pertencerem igualmente a outras minorias discriminadas – pela raça, pela orientação sexual e/ou pela religião – têm lutas ainda mais prementes às quais a sua voz se deve unir.

Também lhe pode interessar:

Este artigo foi útil para si?

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *