Família > Crescer > Desenvolvimento

Partilhar é saber comunicar: vamos estimular as crianças para a partilha!

Partilhar é saber comunicar: vamos estimular as criancas partilha

Barrigas de Amor e a Oficina de Psicologia fala-nos da importância da partilha para o desenvolvimento das crianças.

A palavra partilha é uma das palavras que qualquer criança deveria saber o seu significado, desde cedo. Provavelmente ouvem com alguma frequência a palavra em sua casa, no infantário, na escola, mas é fundamental que compreendam o seu significado no seu todo, na sua prática. Para tal, é fundamental que crianças e jovens sejam educadas e estimuladas para o acto de partilhar. 

Mas porquê?

Porque partilhar é saber comunicar. Partilhar é conectarmo-nos uns com os outros. Partilhar é desenvolver um sentido de maior gratidão por aquilo que temos. Porque partilhar é estar disponível para pensar nas necessidades do outro. Partilhar é uma forma de promover as relações interpessoais. Partilhar é descobrir em conjunto como se desenvolve a entre ajuda.

Partilhar é querer ser mais do que Eu só.

Atualmente, a maioria das crianças e jovens acedem a tudo aquilo que desejam de uma forma muito rápida, valorizando-se cada vez menos a forma como se conquista aquilo que se tem, o que facilmente nos tornam mais auto centrados.

Se observarmos com atenção, os brinquedos preferidos da maior parte das crianças de hoje, são também eles, brinquedos individualistas, que pouco apelam ao jogo “em conjunto” e, por conseguinte, o acto de partilhar através do brincar, que constitui numa primeira fase da infância um momento privilegiado para se estimular a partilha, quase que se foi desvanecendo naturalmente, com o crescente avanço tecnológico. Há cada vez menos uma partilha direta entre as pessoas.

Mas, felizmente, podemos desenvolver e promover a partilha através de vários comportamentos, e os pais ou outros cuidadores, sendo os principais modelos para as suas crianças, devem mostrar-se disponíveis para ensinarem e sensibilizarem acerca da importância de partilhar.

Como poderá fazê-lo?

  • No seu dia-a-dia, procure verbalizar e faça pequenas observações onde demonstra como também você partilha: “hoje o pai emprestou o livro ao colega de trabalho para ele ler no fim-de-semana.”;

  • Procure estimular a partilha na vossa rotina familiar através de pequenas interacções com o seu filho. Uma boa forma de o fazer pode ser numa brincadeira, onde partilham um objecto, ou então podem partilhar algo no vosso lanche (uma fatia de bolo, um sumo etc.);

  • Procure promover a participação do seu filho em atividades em grupo ou através de atividades desportivas onde possam partilhar, trabalhar em equipa;

  • Ensine o seu filho a seleccionar roupas que já não usa, brinquedos ou livros que possam dar a outras crianças que necessitem;

  • Com filhos adolescentes, poderá participar com eles em acções de voluntariado- esta é uma óptima forma de ensiná-lo o quão importante são as acções de carácter social;

  • Uma outra forma de partilhar, pode ser partilhar ideias. É importante crianças e jovens saberem dar as suas ideias, mas também saber ouvir e aceitar as ideias dos outros. É também uma forma de aprender a partilhar!

 

Desenvolver na infância o acto de partilhar, permitirá aos nossos pequenos de hoje, serem jovens e adultos com uma maior consciência quanto às necessidades do outro, e com maior capacidade para se relacionarem com o outro amanhã. Partilhar é saber comunicar!

Cecília Santos

Psicóloga Clínica

* Artigo exclusivo para Barrigas de Amor®

logo oficina da psicologia horizontal

 

 

 

 

 

Barrigas de Amor