Família > Comer > Comer bem

Como preparar uma lancheira? 6 dicas para mandar lanches saudáveis que eles adoram

6 dicas para preparar a lancheira

Durante o período escolar, as crianças precisam de um lanche redobrado para obter melhores resultados!

Durante as aulas, é importante que os seus filhos tenham um bom lanche para “matar a fome” e ter energia para aprender a matéria – e brincar também, claro (não é só de trabalho que se faz a vida!).

Enquanto correm de um lado para o outro, a preparar-se, acordar os pequenotes, vesti-los e dar-lhes de comer, há ainda mil e uma coisas para fazer. No meio de tudo isso, não se podem esquecer que  ainda existem os lanchinhos para preparar, que servem exatamente para manter os níveis de energia e concentração equilibrados ao longo do dia.

E, para que os seus pimpolhos não se fartem da lancheira, que tal fazerem um programa e irem escolher juntos uma lancheira? Uma lancheira gira é já meio caminho andado para andar com ela para todo o lado e, assim, não se “esquecerem” de comer o que os pais mandaram.

Por isso, sigam as dicas da Pumpkin para preparar a lancheira dos pequeninos:

Dicas para preparar a lancheira:

1. Envolvam os vossos filhos no processo de preparar os lanches

É importante envolver as crianças no processo de escolha. Perguntem-lhes a sua opinião – bem sabemos que por eles levavam todos os dias batatas fritas e chocolate, mas conversem com eles – e tentem despertar interesse por uma alimentação diferente, colorida e mais saudável e nutritiva.

preparar lancheiras - envolva as crianças

2. Escolham alimentos que as criança gostem e que estejam acostumadas a comer

Assim, o que as crianças levarem na lancheira vai ser apenas uma extensão da alimentação a que já estão habituadas e não haverá lugar para birras, como o leitinho que estão habituados a beber antes de ir dormir.

Se tiverem mais do que um filho em idade escolar, adequem a lancheira ao gosto de cada um.

E, se a alimentação a que estão habituadas não for a mais saudável, esta é a altura certa para começarem a mudar os hábitos alimentares de toda a família: comecem por pequenas alterações no quotidiano com introdução de alguns novos alimentos, e, simultaneamente, vão alterando também a lancheira dos pequenos.

preparar lancheiras - escolha alimentos que as crianças gostam

3. Certifiquem-se de que colocam dentro da lancheira um produto de cada grupo alimentar

É muito importante que uma lancheira tenha um pouco de tudo. Deve ter uma fruta, para repor as vitaminas, a fibra e os minerais que a criança gastou entre brincadeiras e aprendizagens na sala de aula; um hidrato para que não lhe falte energia – um pão, por exemplo – e uma fonte de proteína. Os leitinhos da linha Leite Mimosa Bem Essencial Sabores têm vários sabores que os miúdos adoram (morango, chocolate e cereais), vêm em embalagens práticas para serem carregados e consumidos pelos pequenos e têm -40% de açúcares adicionados.

Além disso, é essencial que as crianças estejam hidratadas. Para isso, meta uma garrafa de água na lancheira e nada de suminhos com açúcares adicionados.

Variar os lanchinhos é muito importante para que os pequenos não se fartem da ementa preparada pelos papás. Por isso, inspirem-se com estas sugestões de receitas de lanches saudáveis para a escola: são fáceis, práticas e deliciosas!

preparar lancheiras - inclua todos os grupos alimentares

4. Apostem em alimentos saudáveis

Atenção aos alimentos que escolhem: apostem em opções mais saudáveis, com menos açúcares, gorduras e conservantes. Sim, é verdade que dá muito mais trabalho preparar opções naturais, mas a recompensa para a saúde dos seus filhos é muito grande.

Invistam em alimentos caseiros e aproveitem para os fazer com os traquinas aí de casa – vai ser muito “fixe”! Descubram receitas de alimentos para os lanches para a escola  e ponham mão à obra!

  • Em vez de folhados ou qualquer outro bolo de pastelaria, escolham pães, bolos ou biscoitos integrais, de sementes, de arroz ou de milho;
  • Escolham frutas naturais, visto que irão saciá-los mais facilmente e, simultaneamente, hidratá-lo;
  • Prefira leite ou sumos naturais aos refrigerantes – pelas questões óbvias do excesso de açúcares adicionados, corantes e conservantes.

Receita de queques de iogurte banana e nozes

5. Prefiram as lancheiras térmicas

Não se esqueçam que os lanchinhos vão ser comidos – ou melhor, devorados – ao longo do dia.

As lancheiras térmicas servem para manter os alimentos fresquinhos, sendo assim as mais adequadas para transportar alimentos como queijo, sandes mistas (por causa do fiambre), iogurtes e leitinhos, especialmente nesta altura de início do ano letivo, em que as temperaturas ainda são relativamente altas.

Se puder acrescente um acumulador de gelo para manter o lanchinho ainda mais fresquinho e garantir que tudo está pronto a comer.

Não se esqueçam que assim que os pequenos chegarem a casa vão largar a mochila e a lancheira em qualquer lado, e é aqui que entra em ação novamente. Ação “Limpeza da lancheira”! Se o fizerem todos os dias, vão evitar que se acumulem os (normais e odiados pelos pais) restos de comida, que desenvolvem odores desagradáveis e até “bichinhos” que podem tornar-se o foco de uma infeção ou problema alimentar futuro.

“Limpe, esfregue e limpe de novo!” é a máxima deste ponto.

Prefiram lancheiras termicas

6. Preparem o lanchinho com amor!

No caso da lancheira ser a de uma criança ainda pequena, entre os 4 e os 10 anos (sim, porque a partir daí “eles já são crescidos”!), podem utilizar alguns elementos (formas ou alimentos sobrepostos) para decorar a comida, como cortar as sanduíches com moldes em forma de estrela ou um outro qualquer divertido.

Podem também utilizar alimentos para recriar uma carinha nas sanduíches – uns mirtilos para fazer os olhinhos e uma tira de cenoura para fazer a boca, por exemplo. Além disso, podem ainda deixar todos os dias uma mensagem de amor na lancheira com uma frase querida (mas não demasiado lamechas, mamãs!) e que os deixe mais felizes.

Coloquem na lancheira sempre um elemento surpresa. Será a surpresa do dia!

No fundo, o que interessa é que tornem o lanche divertido e atrativo, seja através de formas, de cores ou de outra coisa qualquer. Assim, a abertura da lancheira vai ser sempre uma surpresa e os miúdos vão ficar felizes ao abri-la e ver qual a surpresa do dia e a mensagem do dia.

lancheiras preparadas com amor

 

Se encontrar alguma incorreção contacte-nos por favor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *