Família > Fazer com os miúdos > TV, Filmes e Musica

A Pumpkin conheceu os atores do Conquista a Lua

Pumpkin conheceu atores Conquista Lua

A Pumpkin conheceu os atores que dão voz ao filme “ Conquista a Lua!”, caras muito conhecidas do grande público como Paulo Pires, Lourenço Mimoso e Matilde Miguel.

Não perca a estreia deste fabuloso filme no dia 31 de Março – Conheça toda a história no site da Pumpkin e no no Facebook do Paramount Pictures

Conquista a Lua, conta uma história repleta de peripécias, diversão e comoventes momentos de família. Voando pelo imaginário dos mais novos com aventuras no Espaço e unindo uma história emocionante. Este é um filme obrigatório para ver com toda a família, dos avós aos netos.

O filme tem estreia marcada para o dia 31 de Março e, para dar vida, em português, aos vários personagens, conta com a colaboração de Paulo Pires, Joana Seixas, Lourenço Medeiros, Daniel Catalão, Lourenço Mimoso, Matilde Miguel e entre muitas outras caras bem conhecidas.

Scott Goldwing e Samantha Goldwing são os pais do pequeno Mike, um corajoso e determinado menino de 12 anos. “Mike Goldwing é divertido, corajoso e fascinado com o Espaço. Mas também é o miúdo que, como muitos da sua idade, sofre ao ver que o avô e o pai não se falam, e assim tenta fazer de tudo para conseguir unir as relações entre família.

Esta é uma história comovente, e simultaneamente divertida, sobre a reconciliação familiar e superação pessoal que chega aos cinemas no final do mês. Mesmo a tempo de ainda aproveitar as férias da Páscoa para levar os mais novos, mas também os mais graúdos, a conquistar a Lua!

A Pumpkin teve a oportunidade de entrevistar o Paulo Pires, a Matilde Miguel e o Loureço Mimoso.

Paulo Pires, partilhou o gozo que sente em fazer parte da dobragem do filme: “O Espaço é fonte de inspiração de tantas gerações, mas apenas está acessível a um pequeno grupo de homens tantas vezes vistos como grandes Heróis. É fantástico ter a oportunidade de dar vida através da minha voz a um desses Heróis que tem por sonho o ‘pequeno-grande’ passo de Conquistar a Lua!”

Perguntamos ao ator se se identificou com a personagem que lhe tinha sido atribuída: “Há sempre pontos que nos identificamos …mas não é um homem muito parecido comigo! Tem uma postura assim mais rígida, mais militar e tem um problema com o pai que eu felizmente não tenho! Tem uma profissão que está muito longe da minha (…)”

Paulo Pires diz que ainda não teve a oportunidade de ver o filme todo do princípio ao fim e que, provavelmente, a primeira vez será com a sua família! Perguntamos em tom de brincadeira se o ator acha que as filhas vão reconhecer a sua voz: “ Sim a mais velha, agora já reconhece. Lembro-me de quando via um filme com ela, ela não dizia «o coelho ou o leão, dizia « olha tu vais ali»..”

Paulo constata que nos dias de hoje os filmes de animação não são só para crianças mas também para adultos. “São feitos para as crianças mas também para os pais. Eu nunca liguei muito a este tipo de filmes… Mas a partir do momento em que tive filhas, comecei a ir ao cinema e pensei “o que é que eu tenho perdido”, porque hoje em dia o que se faz é mesmo muito bom”.

Relativamente ao filme “Conquista a Lua” o ator conclui que “é uma boa aposta para a Pumpkin porque é um filme super familiar, no sentido que é uma aventura é centrada na família e há uma questão de família que se prende com a relação do pai com o avô e que filho gostaria de resolver.”

Lourenço Mimoso, o ator que dá voz a Mike no filme Conquista a Lua, contou à Pumpkin, que a experiência de dar voz a uma personagem foi espetacular – “ Foi a primeira vez e adorei! Pensava que era mais cansativo e chato, mas não é!” confessa Lourenço. Também perguntámos – Para as crianças qual é a grande lição que elas vão tirar deste filme? “Boa pergunta! A grande lição é que temos que dar mais valor à nossa família” mencionou Lourenço com um ar muito satisfeito.

Matilde Miguel, contou que a sua cena preferida foi “ quando chegamos pela primeira vez à Lua, ela, a personagem farta-se de gritar, a dizer que é a primeira mulher a chegar à Lua! Quando a Pumpkin perguntou como foi a experiência de dar voz a uma personagem, Matilde descreveu como  “muita engraçada, apesar de estar habituada a outro género, a representação (…) e antes de dar a voz a Amy não tinha a noção de como era, mas gostei muito desta experiência.”

Por fim perguntámos porque devem as famílias ir ver este filme e Matilde referiu “Para além de ser um filme muito cómico e engraçado, ajuda-nos a pensar nos objetivos que queremos e nos sonhos que queremos conquistar!”.