Como gerir a utilização de ecrãs em tempos de quarentena? - Pumpkin.pt

Patrocinado por Logo NOS

Como gerir a utilização de ecrãs em tempos de quarentena?

gestão utilização tablets

Com a telescola, a necessidade de distração e o (tele)trabalho dos pais, qual deve ser, para toda a família, o limite razoável de tempo dedicado aos ecrãs?

A tecnologia aparece, no contexto de pandemia grave que vivemos, como tábua de equilíbrio para as relações emocionais, comerciais e educativas em toda a parte do mundo.

No entanto, é mais do que nunca fundamental analisar o tempo e a gestão que fazemos da utilização dos ecrãs, tentando que seja o mais equilibrado possível.

Tendo em conta necessidades, obrigações, e o tempo de qualidade em família, propomos algumas estratégias para que os ecrãs sejam vossos companheiros de trabalho e parceiros de estudo, mas também amigos das brincadeiras!

Definam os tempos de utilização

definir horários

Na verdade, fazer a gestão da utilização dos tablets pelas crianças durante a quarentena, tanto para uso recreativo quanto educativo, deve partir dos mesmos princípios de sempre: definam um “horário para os ecrãs”, para que as crianças possam navegar “livremente”, e qual a sua duração.

Todas as recomendações pediátricas apontam para que esta utilização diária não ultrapasse os 60 minutos, mas tendo em conta o contexto atual, é utópico exigir a crianças e pais que assumam e cumpram esse compromisso.

Por isso, o ideal é conversarem com as crianças e perceberem, dentro da dinâmica da família, quando é que faz mais sentido para a criança ver os seus desenhos animados favoritos no tablet.

Quando os pais trabalham? Enquanto o jantar é preparado? Deem-lhe, também, o poder de decisão, porque levará a criança a sentir um maior envolvimento e responsabilidade para com o acordo.

Para ajudar a ‘controlar’ o tempo de utilização, podem contar com a ajuda do NOS Safe Net, que permite proteger até 10 dispositivos dos perigos online, assim como criar regras de conteúdos e de acesso em horários específicos para todos lá em casa.

Assim, não só as crianças veem apenas os seus conteúdos favoritos num ambiente 100% seguro, como os pais se asseguram de que não ultrapassam os limites estabelecidos entre todos, mesmo quando não estão ao lado delas.

NOS Safe NET

O serviço está com uma oferta de 3 meses do serviço: espreitem como aderir!

Sejam flexíveis

sejam flexíveis utilização ecrãs NOS

Mais vale perceber desde já que nem todos os dias vão correr bem. Às vezes o jantar demora mais, a criança está mais impaciente, e um episódio extra não trará mal nenhum ao mundo. O importante é mesmo encontrar um equilíbrio.

Tentem acima de tudo lembrar-se de que também eles estão a viver dias diferentes, caóticos e assustadores, e que as regras existem, são a base de todo o equilíbrio, mas que fazer cedências nos permite gerir melhor as nossas falhas, as suas birras, os medos naturais e os confrontos.

As crianças vão procurar conforto naquilo que lhes é natural – o colo dos pais, a Patrulha Pata e as aventuras do Panda!

Olhem para os ecrãs como amigos

criança tablet

Num momento de saturação tão grande como este, os ecrãs, se bem utilizados, são um grande aliado no alívio da tensão.

Em nossa casa, nestes momentos de relax, utilizamos a App NOS Kids, que nos permite ficar descansados com aquilo a que as nossas abobrinhas têm acesso!

Podemos deixá-las no quarto, na sala, na varanda (e, quem tenha, até no jardim) entretidas a verem os desenhos animados preferidos, num ambiente virtual 100% seguro.

Esta app gratuita para clientes NOS disponibiliza milhares de filmes e desenhos animados, num ambiente controlado e seguro promovendo a autonomia das crianças na sua utilização e o conforto dos pais, cuja monotorização prévia permite entregar os dispositivos eletrónicos aos miúdos sem preocupações extra.

Nesta aplicação estão todos os desenhos animados dos canais infantis como o Disney Channel e o Panda em direto, os desenhos animados que passaram na TV nos últimos 7 dias e as gravações.

Para usar a App NOS Kids e dar a conhecer aos mais pequenos um mundo cheio de diversão devem:

  1. Fazer download da App NOS Kids;
  2. Abrir a app e fazer login com os dados de cliente NOS, os mesmos da App NOS. Se ainda não tiver registo, pode fazê-lo neste mesmo ecrã;
  3. Escolher o Perfil Kids, preencher os dados e a app está pronta a usar.

Agora, o Mickey e a Princesa Sofia também vão passar a quarentena convosco! Ninguém merece, nós sabemos… mas ao menos a nossa sanidade agradece!

A App NOS Kids é por isso uma excelente solução para fingir que as crianças não existem por um bocadinho, quer dizer, para deixar os pais descansados porque os programas disponíveis na app são conteúdos adaptados à idade definida quando se cria o perfil da criança.

Ofereçam alternativas

crianças a brincar utilização ecrãs

A brincadeira não estruturada, essencial para o desenvolvimento cognitivo, emocional e motor das crianças, nunca foi tão necessária. No entanto, nem todas as crianças têm ainda a capacidade ou a autonomia de se entreterem, sozinhas, por longos períodos de tempo.

É uma tarefa exigente num contexto extraordinário, mas é importante não ceder à tentação de as sentar sempre em frente à televisão. Mesmo não podendo brincar com elas a todos os momentos, não deixem de oferecer às abobrinhas várias alternativas acessíveis com as quais podem interagir.

Esta é sem dúvida uma boa altura para ter o material artístico fora das gavetas, os livros nas prateleiras mais baixas, os puzzles fora da caixas, os brinquedos espalhados pela casa! Esqueçam as limpezas, ok? Ou chamem a fada d’A Bela Adormecida para limpar tudo…

Também para o estudo é importante que lhes ofereçam ferramentas complementares à telescola e às aulas online.

Aproveitem para os incentivar a fazer resumos escritos das matérias, a ler os manuais escolares esquecidos nas mochilas, e a fazer fichas indicativas (que, essas sim, podem encontrar online – os pais, não eles! – ou pedir aos professores que disponibilizem).

Dediquem-lhes tempo

dediquem-lhes tempo gestão de ecrãs

Embora não pensemos nisso, muitas vezes as crianças procuram os tablets para entretenimento mas também pela companhia e conforto que trazem as vozes, as imagens e os ambientes.

Tudo aquilo que eles procuram é que estejamos com eles, por isso, mesmo exigindo uma ginástica ainda maior nesta altura, não prescindam de definir, também, um horário de brincadeira conjunta livre de estímulos eletrónicos.

Deixem-nos escolher as atividades, façam jogos, exercício físico, pintem, ou deixem-se apenas ficar na ronha. O importante é estar.

Também vos pode interessar:

Este artigo foi útil para si?

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2  votos, média:   3,00  em 5)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *