Família > Fazer com os miúdos > Livros

Os Livros e as Férias

Livros verão

Sugestões de leituras para o Verão, por Sara Amado da prateleira-de-baixo.

A Sara Amado da prateleira-de-baixo, tem um projeto giríssimo: ela envia pacotes com livros, escolhidos a dedo, para encher as prateleiras com livros que vão ajudar os nosso filhos a desenvolver os seu gosto pela leitura. O pacote de Outono tem inscrições abertas, só até ao final do mês de julho, reservem já.

Ela partilhou connosco os seus livros preferidos para este verão:

E para as Férias, o que levar? Bem, decidi-me por uma lista feita de água, que é o que pede este calor. Alguns deles fazem parte dos PACOTES de verão e muitos deles já ali estão na prateleira-de-baixo.

E é assim (mais ou menos por ordem de idades):

Praia-mar (Planeta Tangerina)

Praia-mar (Planeta Tangerina)

Um dia na praia (Planeta Tangerina)

Um dia na praia (Planeta Tangerina)

Perdido e Achado (Orfeu Mini)

Perdido e Achado (Orfeu Mini)

A Baleia (Orfeu Mini)

A Baleia (Orfeu Mini)

O Homem de Água (Kalandraka)

O Homem de Água (Kalandraka)

Baleia (Kalandraka)

Baleia (Kalandraka)

Jim Curioso (Polvo)

Jim Curioso (Polvo)

A menina do Mar (Porto Editora)

A menina do Mar (Porto Editora)

Mar (Pato Lógico)

Mar (Pato Lógico)

O Rapaz que Nadava com as Piranhas

O Rapaz que Nadava com as Piranhas

Os Lusíadas (Presença/Marcador)

Os Lusíadas (Presença/Marcador)

Vento nos Salgueiros (Tinta da China)

Vento nos Salgueiros (Tinta da China)

Os bebés da Água (Tinta da China)

Os bebés da Água (Tinta da China)

Três Homens num Barco (Cotovia)

Três Homens num Barco (Cotovia)

A Odisseia de Homero (Cotovia)

A Odisseia de Homero (Cotovia)

Lembram-se das dicas e rituais para incentivar a leitura que Sara Amado, da prateleira-de-baixo, partilhou connosco? Aqui fala no ponto 6 e 7:

 

6. A Feira do Livro.
O ritual da ida à Feira do Livro, onde a procura dum livro se mistura com uma fartura, um gelado ou um algodão doce, tem feito maravilhas na aprendizagem do prazer pela leitura. A Ilustrarte, a BD da Amadora ou a ida a uma livraria numa viagem, são outros programas ótimos para fazer.

7. O objeto-livro.

“Os livros são objetos transcendentes mas podemos amá-los do amor tátil que votamos aos maços de cigarro”, canta Caetano Veloso, em Livro. Deixar a criança escolher o livro que quer levar numa viagem —travel light! — faz dele um tesouro precioso, por ser um dos poucos pertences que carrega para um lugar novo.

O ritual da Feira do Livro repete-se há muitos anos, lá por casa, sempre com grande sucesso. Associar o livro à fartura ou ao algodão doce ou ao gelado — sendo que os dois primeiros só comem mesmo aqui! — é sucesso garantido!

O passeio inclui assim a escolha dum doce para o lanche e, é claro, a escolha dum livro.

Quando eram mais pequenos comprava por trás das costas deles mais uns tantos para aproveitar os descontos e não estragar a magia dO livro que tinham escolhido, entre os milhares que ali que vêem. O truque é levá-los aos stands certos, claro. Já mais velhos é deixá-los escolher o que querem mesmo, na esperança de que estejam bem educados!…

Este anos os dois mais velhos levaram um dinheiro extra dos avós e listas feitas que incluíam várias BDs que partilham, livros de culinária e de filosofia, dois interesses em alta.

A Feira do Livro serve também para finamente comprarmos aquele livro de peso, que normalmente tem aqui descontos fabulosos.

Um dos tais livros de peso (absolutamente essencial em qualquer prateleira) e perfeito para o verão que hoje chega é o “Lá fora”, da Planeta Tangerina.

Faz agora anos escrevia sobre este livro: Lá fora é um livro de peso sem ser pesado. Ensina sem ser do alto do estrado. Está ali mesmo, lá fora, no meio deles e do mundo.

Lá fora ensina a olhar e a querer saber mais, ensina latim (que é uma coisa muito séria) mas também que as pedras que pisamos aqui são diferentes das que fazem desenhos nos passeios da cidade onde vivemos.

Hoje, é ainda o livro que primeiro pomos no saco das férias, agora ainda mais pesado das folhas que pomos entre as suas páginas e das histórias que acrescentamos, a cada ano, às suas histórias.

Quem ainda não o tem — e agora que a Feira acabou — pode ainda aproveitar para o conseguir dentro dum dos belíssimos PACOTES de verão que a Sara desenhou e que  ainda podem subscrever.

Se encontrar alguma incorreção contacte-nos por favor.