Família > Fazer com os miúdos > Brincar

Time In

Time In

Janeiro é mês de assentarmos ideias, desejos, refeições e finanças, ou seja, um óptimo mês para se ficar mais em casa. E o que fazer para tornar tudo mais interessante?

  • Ler livros com os pequenotes

Ler livros infantis em voz alta é muito cativante para os pequenotes. Colocarmos perguntas sobre a acção, teatralizarmos vocal e gestualmente, mostrar os desenhos e explicar os conteúdos faz com que se passem óptimos momentos. E então agora que há livros infantis tão giros!

Vejamos alguns exemplos:

Todos fazemos tudo e a Mimi no fundo do mar

A bruxa Mimi no Inverno

  • Ver filmes em família

E porque não sentarem-se todos no sofá a ver filmes que sejam bons para todos? O Up-Altamente, por exemplo, é um filme super engraçado com uma mensagem poderosíssima. Trata-se da história de um viúvo de 78 anos, Carl Fredrickson, que é ameaçado de ser despejado de casa e colocado num lar. Carl decide cumprir a promessa que fez à sua falecida mulher, Ellie, de viajar para a América do Sul e explorar as montanhas. Para tal, ata uma centena de balões à sua casa e fá-la voar pelo ar. Acontece que, sem Carl dar conta, dá boleia a um jovem escuteiro de oito anos. Os dois partem na casa voadora e irão viver grandes aventuras, juntos. Pela sua história e mensagem, podemos dizer que o Up-Altamente é também uma animação para adultos.

E que tal juntar a este filme uma boa dose de pipocas caseiras A nós parece-nos maravilhoso. Vejam a receita aqui (caramelizadas ou salgadas). Agora venha o daí o filme, porque as pipocas já estão prontas.

 

  • Fazer uma horta em vasos

Outra actividade útil e bastante engraçada que pode fazer em casa é a de construir uma mini-horta em vasos.

Os vasos devem ter furos por baixo para drenar o excesso de água. 20 cm de altura num vaso costumam ser suficientes para um bom desenvolvimento das raízes, pois os vasos muito rasos secam muito rapidamente.

Vejam tudo aqui.

  • Fazer jogos em casa

Às vezes, parece que nos falta a imaginação para fazermos jogos dentro de portas, mas há tanta coisa que se pode fazer. Além dos jogos tradicionais como o monopólio, jogo da glória, cartas e afins aproveitámos as sugestões do nosso criativo parceiro Pimpumplay! Com o material que temos em casa dá para fazer inúmeros jogos giríssimos.

Ora vejam:

Toca, toca

Se já conhece o funcionamento dos toques do seu telemóvel, então já está tudo preparado. Se não tente perceber como funcionam os toques do telemóvel. A maioria dos aparelhos permite escolher uma como apresentar o toque do seu telemóvel. Vejam como se joga aqui.

Caixa de surpresas

Este é um jogo divertido que junta facilmente jogadores de várias idades, criando diferentes possibilidades de atividades que convidam à descoberta, à lógica e à exploração dos sentidos! É um jogo muito simples, cuja atividade central é conduzir os jogadores à descoberta dos objetos que são colocados numa caixa, sem nunca os ver! Vejam como se joga aqui.

Cola Estórias

Neste jogo “Colar” ideias é o que cada jogador tem que fazer. Não há vencedores, mas há gente divertida, de certeza absoluta. Vejam como se joga aqui.

  • Desenhar e pintar

Desenhar ou pintar faz com os miúdos se distraiam imenso. Uma boa variedade de canetas e lápis coloridos e papel são apenas o começo de uma grande aventura.

Aqui ficam alguns exemplos de desenhos para pintar:

Animais

Dinossauro 1

Dinossauro 2

Bolo

Casa 

  • Cozinhar em família

Além das pipocas, há muitos pratos engraçados para se fazer em família. Deixamos-vos dois exemplos:

Crepes

Biscoitos de chocolate

Outra dica é fazer um piquenique na sala: estender uma toalha no chão e colocar tudo como se fosse um piquenique. Os miúdos vão adorar!

 

  • Cantar

Cantar com ou para os pequenotes faz bem à alma. Que tal relembrarem as músicas do nosso tempo?  Ou então cantar músicas populares?

 

Aborrecidos em casa? Impossível! E, às vezes, para variar dos passeios também sabe muito bem ficar no “lar doce lar”.