Programação de março 2019 da Fundação Portuguesa das Comunicações - Pumpkin.pt

Programação de março 2019 da Fundação Portuguesa das Comunicações

Evento expirado
fundação portuguesa das comunicacoes

Programação da Fundação Portuguesa das Comunicações – março de 2019:

Visita guiada – O Museu sai à rua… Venha conhecer o sítio de São Paulo, em Santos

Venha conhecer as ruas, os espaços, as casas, as histórias e as gentes do sítio de São Paulo, no primeiro sábado de cada mês.

Sabia que no Largo Conde Barão existe um palácio do sec. XVI, classificado como Património Nacional desde 1920, que pertenceu aos Almadas, Provedores da Casa da Índia, e que nos anos 80-90 foi uma das mais conhecidas discotecas de Lisboa?

Esta e muitas outras histórias num percurso que inclui passagem pelo antigo Cais do Togo, pelo Largo do Conde Barão, Bica dos olhos, “Pátio do Broas” com a sua bica grande, Igreja de São Paulo, Banhos de São Paulo… até chegarmos à Praça D. Luís.

Para quem: Público em geral

Quando: sábado, 2 de março | 15h

Duração da visita: cerca de 2h

Ponto de encontro: FPC | Museu das Comunicações

Preço: €5 (inclui uma visita livre ao Museu no próprio dia ou outro dia à escolha)

Inscrições e mais informações: [email protected]

Código Bebé, 0 aos 36 meses – “Brincar a sério”

Todos os meses contamos histórias mágicas e no decorrer das histórias, usamos objetos de diferentes materiais e texturas, proporcionando assim um leque vasto de novas sensações e experiências. Tudo isto acompanhado por música na qual todos podem participar.

“Brincar a sério”é o tema do dia 9 de março, à boleia da exposição “Play Is a Serious Matter”, na FPC.

Um programa para miúdos e graúdos.

Para quem: 0 aos 12 meses e acompanhante adulto.

Quando: Sábado, 9 de março |15h00 – 15h45

Para quem: 12 aos 36 meses e acompanhante adulto.

Quando: Sábado, 9 de março |16h30 – 17h15

Preço: €4 por participante

Inscrições e mais informações: [email protected] | 21 393 51 77

Um ciclo que não é um ciclo

Um ciclo que não é um ciclo é um conjunto de conversas onde debatemos alguns dos temas fraturantes que abordam a relação entre a Humanidade e a Tecnologia.

No dia 14 de março falamos de Desinformação (Fake news).

Sendo a internet um meio privilegiado de pesquisa e de produção de informação, como podemos garantir a veracidade dos conteúdos a que acedemos,

quer em sites de órgãos de comunicação social quer noutros sites?

A disseminação de notícias falsas, tendo por base erros de investigação ou agendas económicas e políticas, é um risco que todos os utilizadores da rede enfrentam.

Falaremos sobre estes riscos e que estratégias podem minorar o impacto desta tendência no livre acesso à informação digital.

Saberemos distinguir a verdade da mentira?

Para quem: Público em geral

Quando: 5ª feira, 14 de março | 15h

Duração: cerca de 1h30

Participação Grátis

Mais informações: [email protected]

Venha celebrar o Dia do Pai connosco.

Luzes, pilhas, ação! Quem vai conseguir acender a lâmpada?

Sabia que Alessandro Volta foi o “pai” da primeira pilha elétrica? Venha aprender a fazer uma pilha, e, de caminho venha conhecer melhor este grande físico do Sec, XVIII. No final, leva para casa uma pilha, funcional, construída por si. Será um desafio para todos, pais e filhos. 🙂

Para quem: Famílias com crianças entre os 6 e os 12 anos

Quando: Sábado, 16 de março |15h30 – 17h30

Preço: €7,50 por participante

Inscrições e mais informações: [email protected] | 21 393 51 77

Mínimo de participantes: 10; Máximo: 20

Exposições Temporárias

Play Is A Serious Matter

Inaugura a 21 de fev|18h30

Eduarda Rosa, Pollyanna Freire e Rita Thomaz juntam-se nesta exposição, em que “A cada objeto recolhido, construído, pintado ou prensado está implícita uma necessidade, ou pelo menos vontade, de construção de um mundo alternativo que é sempre um trabalho por vir, um work in progress tal como uma coleção. […] Não é só através da coleção que se traz à vida objetos sem rumo; é também através de todos os modos de aquisição e construção de uma determinada coisa – desde tocar no objeto até nomeá-lo, desde pintá-lo até lhe retirar uma parte, prensá-lo ou colá-lo noutro sítio, numa estreita relação entre arte e vida. Com graus de diversão e consciência variáveis, cada artista vai-se tornando autora do seu projeto grandioso onde to play is a serious matter”, palavras de Laura Sequeira Falé.

Entrada Grátis.

Patente até 30 de março.

Disobjection

Inaugura a 22 de fev|18h

Amostra de fotografias de António da Cruz Rodrigues –  “Não quero estar distante das imagens que crio, quero estar dentro dos espaços que fotografo. Não quero olhar para uma imagem como se tratasse de um mapa que me cria a ilusão de domínio de um território por onde nunca caminhei, objetivando-o no sentido de lhe atribuir um significado explícito. Não quero apropriar-me de um “sítio” fotográfico,

objetivando-o, criando a ilusão de dominar uma realidade. As minhas fotografias estão num percurso de des-objetivação do “sítio” fotográfico. Procuro ir para além dos significados partilhados, sem preconceitos.”

A inauguração será realizada em modo de performance durante os primeiros 3 dias de exposição.

Nos dias 22 (das 18h às 22h), 23 e 24  (das 16h às 19h),  António da Cruz Rodrigues e o artista Luís Alegre convidam o público a participar na instalação das 150 fotografias, intervindo sobre elas, improvisando e explorando aspetos como a cor, a textura, o recorte, a dimensão, a ampliação.

Entrada Grátis.

Patente até 30 de março.

Núcleo de Cabos Submarinos

A comunicação global é hoje garantida através de cabos que estão no fundo do mar. Nesta exposição conheça os 150 anos de história deste meio de comunicação.

Visitas guiadas com marcação prévia: 2ª a sábado (mínimo de 10 pessoas).

Exposições Permanentes

Vencer a Distância – Cinco Séculos de Comunicações em Portugal

O percurso das Telecomunicações  mostra a História, as estórias e as curiosidades das Telecomunicações em Portugal e o percurso dos Correios, agora com novas peças que remetem o visitante para a modernidade do serviço postal.

Visitas guiadas para público individual sem marcação: 2ª, 4ª e 6ª, às 16h00;

Visitas guiadas com marcação prévia: 2ª a sábado (mínimo de 10 pessoas).

Mala Posta

Nesta exposição são recriadas, à escala real, situações e episódios associados ao transporte de correio e de pessoas numa estação de muda, entre finais do século XVIII e início do século XIX. A estação de muda servia para que todos, (humanos e cavalos) pudessem descansar, alimentar-se e, eventualmente, pernoitar. Esta exposição, para além da estação de muda, mostra-nos como era viver, comer, servir e sociabilizar, naquela época.

Visitas guiadas para público individual sem marcação: 2ª, 4ª e 6ª, às 16h00;

Visitas guiadas com marcação prévia: 2ª a sábado (mínimo de 10 pessoas).

Casa do Futuro

Um espaço que replica aquela que poderá vir a ser uma casa do futuro, com soluções criativas que adaptam a tecnologia, colocando-a ao serviço do bem-estar e da qualidade de vida das famílias. Venha visitar aquela que pode vir a ser a sua casa, num futuro próximo ou longínquo.

Visitas guiadas para público individual sem marcação: 3ª, 5ª e sábado, às 16h00;

Visitas guiadas com marcação prévia: 2ª a sábado (mínimo de 10 pessoas).

Também lhe pode interessar:

Este artigo foi útil para si?

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *