Família > Agenda Família > Música, Teatro e Filmes

Conquista o Sonho: o musical infanto-juvenil sobre a Seleção Nacional

conquista o sonho

Em ano de Mundial, a Federação Portuguesa de Futebol vai levar aos palcos nacionais o musical infanto-juvenil “Conquista o Sonho”.

Temos por aí admiradores de Cristiano Ronaldo e companhia? Se as suas abobrinhas são fãs de futebol não podem mesmo perder o Musical “Conquista o Sonho”. Com músicas divertidas e de forma original, miúdos e graúdos podem reviver, agora nos palcos, a caminhada de Portugal no Europeu de 2016, que culminou no mágico golo de Éder e trouxe a euforia e o título para o nosso país!

O musical assume a designação do movimento global que foi lançado pela FPF no início deste ano #ConquistaOSonho e tem como objetivo aproximar as Seleções Nacionais das crianças, jovens e famílias, bem como promover aqueles que são os pilares de atuação da equipa das quinas.

A inclusão, o companheirismo, o espírito coletivo, a dedicação, o trabalho árduo, a resiliência e a capacidade de superação servem de marca de água a um espetáculo que pretende sublinhar que “a distância entre a realidade e os sonhos tem um nome: ação.

O musical itinerante estará em cena a partir de 21 de maio em várias salas de espetáculo do país.

Programa (em atualização):

2 de junho (sábado): Coliseu de Elvas

3 de junho (domingo): CAE Figueira da Foz

9 de junho (sábado): Arena de Évora

10 de junho (domingo): Fórum Braga

13 de junho (quarta-feira, feriado): Altice Arena

17 de junho (domingo): Coliseu do Porto

Os bilhetes para os espetáculos a decorrer em Braga, na CAE Figueira da Foz, na Altice Arena e em Elvas podem ser adquiridos aqui.

Os bilhetes para o espetáculo a decorrer na Altice Arena podem ser adquiridos aqui.

Os bilhetes para o espetáculo a decorrer na Arena de Évora podem ser adquiridos aqui.

O vídeo clip “A Tua Seleção”, é o primeiro single extraído do álbum que reúne as diferentes músicas do espetáculo.

No segundo vídeo é apresentada a matriz da linha narrativa do musical; uma menina, a Beatriz, que acha que o “futebol não é para meninas” e, um menino, o João, que considera que o “futebol não é para todos” e a quem os vários jogadores das seleções vão apresentar um mundo novo – onde as barreiras do preconceito e da desigualdade não existem e o mérito, o trabalho árduo e a dedicação são compensadas.

Se encontrar alguma incorreção contacte-nos por favor.