Escolas > Notícias para escolas > Passatempos e iniciativas

Boa sorte, professores!

Boa sorte, professores

A Magda Gomes Dias, autora dos livros Crianças felizes e Berra-me baixo escreveu um texto dedicado aos professores que adaptamos abaixo, porque transmite a mensagem que gostaríamos de vos dar neste início de um novo letivo: Boa sorte, professores! 

Conheçam a Pós-Graduação em Parentalidade e Educação Positivas organizada pela Magda.

Penso muito nos professores e nos alunos… mas mais, hoje, nos professores.

E porquê? Porque, juntamente com os pais, são eles que têm um papel decisivo no futuro do mundo.

Cada um com o seu papel e no seu lugar – que os professores não existem para darem educação aos meninos – e sim para os ensinar matérias, para os ajudar a trabalhar em equipa, para os inspirar também, pois claro! Mas cada um no seu lugar.

Um professor não consegue dar o melhor de si quando não sabe onde estará amanhã. 

Um professor não consegue ter foco quando fica colocado, ano após ano, a 200kms do/a parceiro/a e dos filhos.

Um professor não consegue colher frutos do seu trabalho quando, no ano a seguir é destacado para outro concelho. Ou é destacado para ficar em casa. 

Um professor não se consegue construir enquanto profissional e pessoa enquanto continuarem a mudar as leis.

Ora faz assim, ora faz assado. Podem até serem leis melhores, mas tanta mudança não faz bem a ninguém. Desmotiva. Faz cair os braços.

Um professor é, por definição, uma pessoa feliz porque gosta daquilo que faz. A missão dele é passar conhecimentos.

A missão dele é inspirar os alunos. É fazer brilhar os olhos dos alunos. E quem já viu isto uma vez sabe que essa satisfação vale muito. Mesmo muito.

Um professor que sabe com o que conta, que está perto dos seus, é um professor que descobre o potencial dos alunos que tem à frente.

Porque não tem de se preocupar com as indecisões, porque não ocupa o seu pensamento com ‘o que será da minha vida se/quando…?’ É um professor que leva os alunos mais longe.

E é um professor que é mais tarde recordado ‘o que será feito daquele professor? adorava as aulas dele!’

Um professor é aquele que acredita que, mesmo assim, a sua missão é mais grandiosa que um conjunto de leis que estão sempre a alterar.  Mas um professor também se cansa e também se desmotiva. E quem é que perde com tudo isto? Todos nós. Todos nós, sem excepção!

Por isso, desejo que tu que és professor, possas dar o melhor de ti. Desejo-te um bom ano! Que possas inspirar e contagiar os teus alunos com o mesmo entusiasmo que sentiste quando desejaste ser, um dia, professor! Precisamos todos disso! Até tu!