Coimbra estende-se ao longo do encantador rio Mondego. Situada entre os distritos de Aveiro e Viseu, esta é uma cidade cheia de história, onde os vestígios dos primeiros anos estão espalhados por toda a cidade.

Envolvo em história e desde há muito considerado o centro cultural e intelectual de Portugal, o distrito de Coimbra é um destino intemporal que inspirou a obra de poetas e escritores.

Uma cidade que vai encantar miúdos e graúdos!

Se conhecem lugares mágicos em Coimbra que querem partilhar com as nossas famílias, digam-nos tudo aqui.   

Veja o nosso artigo por categorias: Património e Museus | Parques e Jardins | Aldeias HistóricasNa Hora da Diversão 

Património e Museus 

 

Ruínas e Museu Monográfico de Conímbriga

Ruínas e Museu Monográfico de ConímbrigaEdificada sobre um povoado anterior, a cidade beneficiou, no tempo de Augusto, de notória renovação urbanística construindo-se o fórum, as termas e, ao longo do séc. I, a basílica e uma renovação quase completa das estruturas urbanas. Em 464 d.C., ano em que os Suevos prenderam Cântabro, um notável local, a cidade viu iniciar o seu declínio, que se prolongou ao longo da Idade Média.

Os testemunhos da época mais notável, podem ser observados nas Ruínas Romanas de Conímbriga, no Museu Monográfico adjacente às mesmas e no castellum de Alcabideque, que lhes fica próximo. O período faustoso da vida da cidade está bem patente nas residências como a Casa de Cantaber ou a Casa dos Repuxos, de peristilos ajardinados e painéis de mosaicos policromos, no Fórum, nas Termas, no Anfiteatro, nas Lojas ou no Aqueduto. 

Onde: 3150 Condeixa-a-Velha 

Mais Informação: Museu Monográfico de Conímbriga | Câmara Municipal de Coimbra

 

Universidade de Coimbra

Universidade de CoimbraFundada, em Lisboa, em 1290 e transferida para o Paço Real em 1537. Destacam-se: Biblioteca Joanina de estilo barroco (1717), a Capela de São Miguel, a Sala dos Capelos, a Porta Férrea, a Via Latina e a Torre. Os edifícios que compõem o espaço arquitetónico que envolve a emblemática Universidade, datam da reforma do Estado Novo. 

Onde: Largo da Porta Férrea, 3001-451 Coimbra.

Mais Informação: Câmara Municipal de Coimbra | Universidade de Coimbra

 

Núcleo Museológico do Piódão

Núcleo Museológico de PiodãoUm espaço que retrata não só as formas de vida das gentes desta aldeia histórica, mas também a forma como são vistas por aqueles que tiveram o privilégio de a visitar. 

Onde: Largo Cónego Manuel Fernandes Nogueira , 6285–018 Piódão 

Mais Informação: Câmara Municipal de Arganil

 

Castelos do Mondego

Castelos do MondegoPercorra os castelos e fortalezas que serviram de proteção a Coimbra e ao Mondego.

Fortaleza de Coimbra: T. 239 833 771 | cidade.muralhada@cm-coimbra.pt | www.cm-coimbra.pt 

Fortaleza de Buarcos | Figueira da Foz

Forte de Santa Catarina | Figueira da Foz

Castelo de Arouce – Lousã

Castelo de Montemor-o-Velho: T. 239 680 380 | F. 239 689 640 | www.cm-montemorvelho.pt 

Castelo de Penela: www.cm-penela.pt 

Castelo de Germanelo | Penela

Castelo de Soure

Mais Informação: Câmara Municipal de Coimbra

 

Sé Velha

Sé VelhaA fachada, datada de 1162, reflete a vitalidade do estilo românico. O claustro gótico, o mais antigo em Portugal, encanta pela sua sobriedade. Merece destaque o notável conjunto de esculturas e jacentes dos sécs. XII, XIV e XVI, bem como a Capela do Sacramento e a Capela de S. Pedro, ambas do séc. XVI, a primeira da autoria de João de Ruão, a segunda de Nicolau de Chanterenne.

De destacar, ainda, a Porta “Especiosa”, séc. XVI, da autoria de João de Ruão. A escadaria da Sé Velha é o local onde têm lugar as bem conhecidas serenatas monumentais, momentos fortes da tradição coimbrã.

Onde: Largo da Sé Velha - Rua do Norte, 4, 3000-295 Coimbra

Mais informação: Câmara Municipal de Coimbra

 

Sé Nova

Sé NovaFundada pelos Jesuítas em 1598, possui fachada construída em duas fases: a primeira em linhas Clássicas e a segunda Barroca. O retábulo da Capela-mor, em talha dourada de finais do séc. XVII, é da autoria de Jerónimo Luís, também autor dos retábulos do transepto. O cadeiral em pau-preto, do séc. XVII, é originário da Sé Velha. Órgãos Neo-clássicos do séc. XVIII. A pia baptismal Manuelina é, também, proveniente da Sé Velha.

Onde: Largo da Sé Nova, 3000-213 Coimbra 

Mais Informação: Câmara Municipal de Coimbra

 

Igreja do Mosteiro de Santa Cruz (Panteão Nacional)

Igreja do Mosteiro de Santa CruzFundada em 1131 pelos cónegos regrantes de Santo Agostinho. Sala do capítulo e corpo da igreja, da segunda metade do séc. XVI, do mestre Diogo de Boutaca. Túmulos de D. Afonso Henriques e D. Sancho I, com jacentes de Nicolau de Chanterenne. Púlpito de Nicolau de Chanterenne, datado de 1521. Órgão Barroco de 1719/1724, do entalhador francês, Lorete.

Sacristia Maneirista, construída entre 1622 e 1624, em que se destacam pinturas de Grão Vasco e Cristóvão de Figueiredo. Claustro Manuelino de 1517. De referir o portal (1523) de Diogo de Castilho e esculturas de João de Ruão e Nicolau de Chanterenne. Arco Triunfal do início do séc. XIX, de José de Couto.

Onde: Praça 8 de Maio, 3000-300 Coimbra 

Mais informação: Câmara Municipal de Coimbra

 

Parques e Jardins 

 

Jardim da Quinta das Lágrimas

Jardim da Quinta das LágrimasA Fonte dos Amores e das Lágrimas denunciam a história de amor de D. Pedro e Inês de Castro.  Destacam-se o Palacete do séc. XIX, o Jardim Medieval e o Anfiteatro de Colina de Camões, da autoria da Arq. Paisagista Cristina Castel-Branco. 

Onde: Rua António Augusto Gonçalves - Santa Clara, 3041-901 Coimbra 

Mais Informação: Quinta das Lágrimas | Câmara Municipal de Coimbra

Veja o nosso artigo também sobre a Quinta das Lágrimas

 

 

Mata Nacional do Buçaco

Mata Nacional do BuçacoPatrimónio histórico religioso e militar, a Mata Nacional é sobretudo um património botânico de incalculável valor e uma referência turística no concelho, no país e no mundo.

Duma riqueza dendrológica incalculável, a Mata Nacional alberga árvores das mais diversas partes do globo, trazidas pelos frades carmelitas quando ali se estabeleceram no seu Mosteiro de Santa Cruz. 

Este é o cenário perfeito para um passeio a dois, envolto pela beleza extraordinária da carismática Mata Nacional do Buçaco, que abraça cerca de 700 espécies de árvores exóticas e indígenas. No coração da Mata Nacional do Buçaco encontra-se uma jóia da arquitetura e da História portuguesas: o Palace Hotel do Buçaco.

Onde: Mata Nacional do Buçaco, 3050-261 Luso

Mais Informação: Fundação Mata do Buçaco | Câmara Municipal de Coimbra

 Veja também o nosso artigo sobre a Mata do Buçaco

 

Aldeias Históricas

 

Piódão

PiodãoÉ bem conhecida a aldeia histórica do Piódão, com as casas de xisto de tonalidades castanhas onde o sol projeta reflexos dourados, deixando uma marca de humanização na encosta.

A igreja, de branco, distingue-se no meio do casario.  Em redor, as montanhas enchem-se de verde até perder de vista.  Segundo a lenda, foi aqui que se refugiou um dos algozes de Dona Inês de Castro, numa tentativa de fugir à ira do rei D. Pedro. 

No Núcleo Museológico do Piódão encontrará um espaço que retrata não só as formas de vida das gentes desta aldeia histórica, mas também a forma como são vistas por aqueles que tiveram o privilégio de a visitar.

Onde: Coordenadas GPS- 40º13’45’’N / 7º49’31’’W

Mais Informação: Aldeias Históricas de Portugal | Câmara Municipal de Arganil

 

Na Hora da Diversão: 

 

Portugal dos Pequenitos

Portugal dos PequenitosJá imaginaram o que será para uma criança ver “uma cidade” toda à sua dimensão? Uma maravilha. É isso mesmo que elas acham do “Portugal dos Pequenitos”.

Situado em Coimbra, o Portugal dos Pequenitos é o parque temático mais antigo do País. Desde 1940, data da sua inauguração, que o parque lúdico-pedagógico  se dedica essencialmente à criança divulgando a História e da Arquitetura de Portugal.

Saibam, aqui, tudo sobre o Portugal dos Pequenitos.

Onde: Rossio de Santa Clara 3040-256 Coimbra.

Mais Informação: Portugal dos Pequenitos

Veja também o nosso artigo sobre Portugal dos Pequenitos

 

Museu da Ciência

Museu da CiênciaInstalado no Laboratório Chimico, desenhado por Guilherme Elsden, no âmbito da reforma pombalina de 1772, o Museu da Ciência mostra, a partir de objetos e instrumentos científicos das coleções da Universidade de Coimbra a busca incessante do conhecimento científico.

Onde: Laboratório Chimico , Largo Marquês de Pombal

Mais Informação: Museu da Ciência da Universidade de Coimbra

 

 

Textos e Imagens: Turismo do Centro | Câmara Municipal de Coimbra