Vai ter uma menina? Parabéns! Escolher o nome certo para a bebé é uma missão muito difícil, por significar uma decisão para a vida inteira. Muitos pais querem ser originais, mas sem cair no ridículo, e outros preferem escolher nomes tradicionais, com história. A Pumpkin pegou na lista de nomes mais registados em 2016 e fez um resumo do seu significado e origem. 

1. Maria.

2. Matilde.

3. Leonor.

4. Carolina.

5. Mariana.

6. Beatriz.

7. Ana.

8. Sofia.

9. Inês.

10. Margarida.

1. Maria. Maria é o nome da mãe de Jesus. O significado do nome é incerto, porém pode ter sido originalmente um nome egípcio, provavelmente derivado de mry ("amada") ou mr" ("amor"), no sentido de "senhora amada". Por ser um nome muito difundido, antes mesmo da época de Jesus Cristo, é possível que derive do sânscrito Maryáh, que quer dizer literalmente “a pureza", "a virtude", "a virgindade”. Existem outras teorias que traduzem o nome Maria para “mar de amargura”, “a forte”, “a que se eleva” ou, ainda, “estrela do mar”.

2. MatildeA origem de Matilde é germânica (Mahthildis), que une os elementos maht, que significa "força" e hild, que quer dizer "batalha, combate". O nome significa "força na batalha, guerreira forte".

3. Leonor. Leonor é um nome feminino de origem francesa (Aliénor). Este nome, por sua vez, teve origem no grego Heléne, que pode ser traduzido como “tocha” ou “a luminosa”, a partir do elemento hélê, que quer dizer “raio de sol”, na tradução livre. Na forma "Leanor" já existe em Portugal desde o século XIII.

4. Carolina. Carolina é considerado o diminutivo de Carla, feminino de Carlos, que vem do germânico Karlkaralkerl, e que quer dizer literalmente “homem do povo”. Carolina transforma-se, na variante feminina, em “mulher do povo”.  Há ainda algumas fontes que relacionam a origem de Carolina com a união dos termos germânicos karl “homem”, e lind que quer dizer “doce”, significando “mulher doce”.

5. Mariana. Mariana é um nome que possui três possíveis origens: um a partir do inglês Marianne, formado da união dos nomes Mary e Ann, versões inglesas de Maria e Ana. Pode também ter sido originado a partir do francês Marianne, um diminutivo de Marie, versão francesa de Maria, portanto a partir desta origem, Mariana pode significar “senhorinha soberana”, “a purinha”. Outra hipótese para a origem etimológica do nome Mariana está no latim marianus, originando a variante masculina Mariano, e significa “relativo a Mário”. Assim sendo, Mariana significaria algo como "propriedade de Mário".

6. Beatriz. Beatriz tem origem no latim beatus, que significa "feliz", ou no latim Beatrice, de beare, que significa “a que traz felicidade” ou "aquela que faz os outros felizes". Foi um nome muito comum entre os primeiros cristãos, os quais podem ter associado o nome ao latim beatus para o relacionar ao significado de “abençoada”.

7. Ana.  O nome Ana vem do original em hebraico Hannah, mais tarde do latim Anna, que quer dizer "graciosa, cheia de graça". Ana é provavelmente um dos nomes femininos mais difundidos em todo o Ocidente. O nome surgiu em Inglaterra pela primeira vez no início do século XIII, mas tornou-se popular apenas no início do século XVII, quando os ingleses o confundiram erroneamente como uma variante de Agnes. Foi encontrado pela primeira vez em Portugal em documentos datados na primeira metade do século XVI.

8. Sofia. O nome Sofia surgiu a partir do grego sophia, que significa literalmente "sabedoria". Na antiga Constantinopla, atual Istambul, foi construída a Basílica de Santa Sofia. Ao contrário do que se pode pensar, a basílica não homenageia uma santa e, sim, Deus, que é a própria sabedoria.

9. Inês. O nome Inês tem origem no espanhol Inez, uma variação de Agnes, nome que tem origem no grego hagnes, que quer dizer literalmente “pura" ou "casta”.

10. Margarida. Margarida tem origem no nome do latim Margarita, vindo do grego margarítes, que quer dizer “pérola”. Os gregos adquiriram este nome do persa murvaridmurwari, que originalmente significava “criatura de luz”.