Prevenindo! 

Como sabemos, a limpeza da cavidade oral deve começar logo mesmo antes do bebé ter dentes! Nessa fase, os pais devem limpar as gengivas do bebé com uma gaze húmida ou dedeira de silicone. Deste modo, o bebé começa a habituar se à manipulação da cavidade oral. 

Depois quando surgem os primeiros dentes, a escovagem deve ser iniciada. Até aos molares (12 meses) nascerem pode ser feita com escova, dedeira ou gaze. Depois da erupção dos molares é necessário o uso da escova. 

Quando usar pasta de dentes e qual a melhor pasta?

O flúor é uma das armas mais eficazes e seguras na prevenção da cárie. O flúor actua diminuindo a capacidade de desmineralização e promovendo a remineralização do esmalte. 

A conjugação entre certas bactérias e os açúcares da alimentação produz o aparecimento de ácidos que causam a desmineralização nos dentes. Por outro lado, quando o flúor está presente promove a remineralização, ajudando uma deposição mais eficaz de minerais, ajudando a fortalecer os dentes e a prevenir a sua dissolução durante a próxima fase de desmineralizaçao. 

As pastas de dentes com flúor são a forma mais fácil, e com excelentes resultados, de fornecermos flúor às camadas externas de esmalte, para assim as tornarmos mais resistente aos ataques ácidos das bactérias. 

Do nascimento aos três anos.

Recomenda se que a higiene oral dos dentes nesta fase seja feita duas vezes por dia, com gaze, dedeira ou escova macia, com um dentífrico flúoretado com 1000-1500 ppm (mg/l) de flúor, sendo uma das vezes depois da última refeição. Até aos 2 anos a quantidade de pasta deve ser pequena, equivalente a um "grão de arroz". Pelos três anos deve ser uma quantidade equivalente à unha do dedo mindinho da criança. A escovagem deve ser realizada pelos pais.

Dos três aos seis anos de idade.

Neste período, o exemplo dos pais é muito importante! Assim, é importante envolver a criança neste hábito diário mas a escovagem deve continuar a ser realizada pelos pais, pelo menos duas vezes ao dia, uma delas antes do deitar. Se a criança tiver mais destreza poderá fazer algumas escovagens mas SEMPRE supervisionada pelos pais. 

A pasta deve ser uma flúoretada com 1000-1500 ppm (mg/l) e a quantidade igual à unha do dedo mindinho da criança. 

Mais de seis anos.

A partir dos seis anos de idade, a escovagem deve ser feita pela criança, sempre supervisionada e ajudada pelos pais! Deve ser feita duas vezes ao dia, uma delas sempre antes do deitar. A pasta deve ter 1000-1500 ppm (mg/l) de flúor e a quantidade aproximadamente um centímetro. Se a criança ainda não tiver destreza suficiente, os pais devem ajudar activamente na escovagem! 

E  boa higiene oral!!!

Este artigo foi-nos gentilmente cedido pela equipa de Odontopediatria da MDkids - Md Clínica.